Pesquise neste blog

quinta-feira, 22 de agosto de 2013

MORADIA: LICITAÇÃO PARA COMEMORAR OS 40 ANOS DA TERRACAP OFERECE 107 LOTES NO DF


Terrenos em diversas regiões administrativas têm entre 40m² e 22,4 mil m²
A Companhia Imobiliária de Brasília (Terracap) realiza na quinta-feira (29) licitação especial para comemorar os 40 anos da empresa, com 107 terrenos que vão de 40m² até 22.448,88m², em diversas regiões administrativas, como Jardim Botânico, Taquari, Sobradinho e Ceilândia.

“Samambaia é uma cidade em franca expansão, moderna e de infraestrutura e urbanização prontas. É ela quem tem puxado as vendas dos lotes nas edições anteriores, mas a cada licitação observamos também que o Recanto das Emas está atraindo os investidores,” afirmou o gerente comercial da Terracap, Alex Alonso.

Os interessados têm até a próxima quarta-feira (28) para depositar o valor da caução exigida em qualquer agência do Banco de Brasília (BRB), mas somente em dinheiro ou por Transferência Eletrônica Disponível (TED).

Entre as novidades, há um posto de gasolina em São Sebastião, um terreno de 7.384,50m² em Águas Claras e um lote de 5.132m², no Guará.

De acordo com o Edital 08/2013, todos os imóveis poderão ser adquiridos mediante financiamento à taxa de 0,8% ao mês para licitantes particulares e de 0,5% ao mês para os servidores de órgãos conveniados com a Terracap.

O edital de licitação pode ser retirado gratuitamente nas sedes das Administrações Regionais, agências do BRB, na própria Terracap ou pelo site www.terracap.df.gov.br.

Podem participar pessoas físicas ou jurídicas, associados ou não, residentes ou estabelecidas em qualquer parte do território nacional, exceto diretores, membros efetivos e suplentes da Comissão Permanente de Licitação de imóveis – CPLI e dos Conselhos de Administração e Fiscal da Terracap.

De acordo com a empresa, a oferta objetiva regular a forte demanda por imóveis no Distrito Federal, onde se estima haver um déficit habitacional para a classe média.

No caso específico de Samambaia, levantamento feito pela Terracap detectou, no período de 2000 a 2013, uma valorização de 1.403,72%, com isso, o valor de um lote padrão com 900m² saltou de R$ 80.144,03 em 2000 para R$ 1.070.000 em 2013.

Os recursos obtidos com as vendas serão destinados aos programas do GDF, aplicados em obras de infraestrutura ou projetos como o Parque Tecnológico Capital Digital, Ciclovias, Vilas Olímpicas e reformas da Rodoviária, Torre de Televisão e a Catedral de Brasília.

Lotes à venda:

02 (dois) na Região Administrativa de Águas Claras (itens 01 e 02);

05 (cinco) na região de Brasília (itens 03 a 07);

01 (um) na Região Administrativa de Brazlãndia (item 08);

10 (dez) na Região Administrativa de Ceilândia (itens 09 a 18);

10 (dez) na Região Administrativa do Gama (itens 19 a 28);

03 (três) na Região Administrativa do Guará (itens 29 a 31);

02 (dois) na Região Administrativa do Taquari, (Lago Norte) (itens 32 e 33);

01 (um) na Região Administrativa do Núcleo Bandeirante, (item 34);

10 (dez) na Região Administrativa do Recanto das Emas, (itens 35 a 44);

34 (trinta e quatro) na Região Administrativa de Samambaia (itens 45 a 78);

08 (oito) na Região Administrativa de Santa Maria (itens 79 a 86);

11 (onze) na Região do Jardim Botânico (itens 87 a 97);

01 (um) na Região de São Sebastião (item 98);

07 (sete) na Região Administrativa de Sobradinho (itens 99 a 105);

02 (dois) na Região Administrativa de Taguatinga (itens 106 e 107).


Fonte: Terracap / Foto: Mary Leal

Nenhum comentário: