Pesquise neste blog

terça-feira, 3 de dezembro de 2013

EDUCAÇÃO: PROFESSORES DISCUTEM MUDANÇAS NA NOVA ORTOGRAFIA


Os coordenadores do Grupo de Trabalho Técnico da Comissão de Educação, Cultura e Esporte, do Senado Federal do Brasil (GTT), Professores Ernani Pimentel e Pasquale Cipro Neto, estiveram na Assembleia da República de Portugal, no dia 27 de novembro, onde foram recebidos em uma reunião conjunta entre a Comissão de Educação, Ciência e Cultural e a Comissão de Negócios Estrangeiros e Comunidades Portuguesas.

Os professores brasileiros apresentaram, sob uma nova perspectiva, a necessidade e possibilidade de se adequarem as atuais regras ortográficas à visão racional, objetiva e científica da atualidade, permitindo o barateamento da educação, a inclusão social dos povos, a ampliação do universo de leitores, a inclusão internacional da Língua Portuguesa e a ampliação da atratividade das culturas que tem o português como língua oficial para os estrangeiros.

“A grande surpresa foi que, na grande mesa retangular, composta das muitas e acaloradas vertentes portuguesas favoráveis e contrárias ao Acordo Ortográfico, não houve sequer uma manifestação de desagrado com o que ouviram. Sinal de que uma terceira via positiva se apresenta capaz de contribuir para a melhora do desempenho ortográfico de todos os países de língua oficial portuguesa”, conta o Professor Ernani Pimentel.

Após a reunião conjunta, os deputados que constituíram o Grupo de Trabalho da Aplicação do Acordo Ortográfico, representantes dos vários Grupos Parlamentares da Assembleia da República Portuguesa, receberam os Professores Ernani Pimentel e Pasquale Cipro, onde cada parlamentar pode apresentar e expor suas duvidas quanto às novas argumentações levadas pelo GTT da Comissão de Educação do Senado Brasileiro.

De acordo com o Professor Ernani Pimentel, foi estabelecido um dialogo respeitoso, franco e bastante esclarecedor, que permitiu uma visão predominante em favor da possibilidade de ideias aperfeiçoadoras das atuais regras a serem analisadas no devido tempo. “O ‘devido tempo’ faz referencia a um cronograma apresentado pelo GTT que conta com uma série de trabalhos a serem desenvolvidos pelo Centro de Estudos Linguísticos da Língua Portuguesa (Cellp), da Academia de Letras de Brasília”, explica.


Fonte: NM3 Consultoria/ Foto Divulgação

Nenhum comentário: