Pesquise neste blog

Secretaria de Estado da Casa Civil - DF

segunda-feira, 31 de agosto de 2015

DIA DO SOLDADO

ESCOLA DE SOBRADINHO HOMENAGEIA PMDF PELO DIA DO SOLDADO

Na última sexta-feira, dia 28 de agosto, o Centro de Ensino Santa Rita de Cássia, localizado em Sobradinho, realizou uma homenagem aos policiais militares pela passagem do “Dia do Soldado”, comemorado originalmente no dia 25 de agosto.

Na ocasião, a PMDF mandou a escola policiais militares de diversas unidades com viaturas e outros equipamentos, onde as crianças da escola puderam se divertir e interagir com os policiais. Os filhos de policiais que estudam na escola foram para aula com farda da Polícia Militar, evidenciando o respeito e admiração pela Polícia Militar do Distrito Federal.


(*)Por Geovani Carvalho/PMDF

Jovens das comunidades do DF vão produzir o maior festival de Cultura Urbana da cidade



Formados pelas oficinas ofertadas no Programa Jovem de Expressão, os jovens serão responsáveis pela produção e execução da 4ª edição do Festival Elemento em Movimento


 
Os dados mais recentes da Síntese de Indicadores Sociais, do IBGE, indicam que 20,3% da população brasileira entre 15 a 29 anos não trabalham nem estudam – conhecidos por geração nem-nem. Essa talvez fosse a realidade de um grupo de 88 jovens das satélites do DF não fosse pela dedicação e a oportunidade que esses jovens tiveram da Rede Urbana de Ações Socioculturais (RUAS) e do programa social Jovem de Expressão, da Caixa Seguradoras.

Nos últimos três meses, os jovens estão sendo capacitados nas oficinas de cenografia, produção de eventos e roadie. Mais que a formação teórica, os jovens estão sendo preparados para um desafio ainda maior. É que nos dias 5 e 6 de setembro esses alunos terão a oportunidade de produzir e executar o Festival Elemento em Movimento – muito mais que um festival.

Para o coordenador das oficinas, Jonathan Santos (MC Nenzinho), apesar das dificuldades de aprendizado, o interesse demonstrado durante as oficinas pelos jovens tem gerado bons resultados. “As oficinas têm um efeito muito positivo, pois os jovens demonstram muito interesse pelo desenvolvimento do trabalho. Não só pela participação no festival, mas para formação profissional deles”, destaca.

Aluna do curso de cenografia, Keka Gonçalves veio para Brasília querendo se especializar em cinema e em busca de uma oportunidade profissional. “Os jovens de hoje querem se expressar, mas falta esse tipo oportunidade. As oficinas destinadas ao festival é o que faltava para nós jovens se expressar por meio da arte, da dança e do cinema.

A instrutora da oficina de cenografia, Nina Coimbra, revela que, para a cenografia do Festival Elemento em Movimento deste ano, tem trabalhado com cenário voltado a oficina mecânica. “A cenografia que estamos trabalhando é baseada no tema do Festival “De rolê na quebrada”, no qual será montado um palco que lembra uma oficina de carros”.

Em sua 4ª edição, o Festival Elemento em Movimento será realizado nos dias 5 e 6 de setembro na Praça do Trabalhador – Ceilândia Norte. O evento terá como principais atrações: B Negão, Flora Matos, Rashid, Tribo de Jah e muito mais. A entrada é franca.

Fonte:

ESPORTE: O Judô do DF conquista medalhas em Santa Cruz do Sul - RS, no Ginásio da UNISC






Dois atletas Veteranos de Brasília brilharam no Ginásio da UNISC em
Evento Esportivo Open Veteranos de Judô realizado entre os dias 28 a
30 de agosto em Santa Cruz do Sul - RS.

Muitos atletas argentinos, uruguaios e brasileiros participaram do Campeonato Open Internacional 2015 Veteranos. Professores da Associação Miura - como: Kleber Fragoso da Silva, Categoria M6, sagrou-se Campeão Individual, e também na Categoria Absoluto e foi terceiro lugar por Equipe. Fernando Espírito Santo - Categoria M2, foi Campeão individual e por Equipe. O Prof. Kleber contou com ajuda do GDF Projeto Compete Brasília em suas passagens Aéreas e das Empresas Privadas: Só Reparos Materiais para Construção que garantiu suas hospedagens  e Ascon - Assessoria em Condomínios para seus deslocamentos e  alimentação.

“Se todos Empresários e o Governo se unissem, fizessem sua parte apoiando e ajudando nos Esportes nosso Brasil cresceria muito mais, pois, os atletas jovens, se inspiram espelhando-se nos mais velhos e tendo apoio, não desviariam suas condutas de vida”. A prática esportiva contribui não apenas para cidadania, mas também pela  saúde e com o desenvolvimento do cidadão. Sem ajuda governamental ou Empresarial,  o esporte fica difícil para todos atletas que almejam subir aos pódios e defender o Brasil em qualquer modalidade. A preocupação do Professor Kleber  se justifica porque sem ajuda Governamental e Empresarial sem patrocínios, as aspirações Olímpicas dos jovens da cidade torna-se cada vez mais difíceis e desestimulam a prática Esportiva. Que vai além dos Pódios, o que está em jogo é a
aplicação e ensinamentos que passamos para nossos alunos dia a dia. O Evento Veteranos é uma tendência mundial para ex Atletas das categorias acima dos 30 anos de idade, e revelam a necessidade esportiva da vida adulta. Assim, como para todos jovens o apoio é de fundamental importância para as conquistas de resultados e elevação do Brasil e da cidade nos mais altos pódios do mundo. Declara Prof. Kleber Fragoso formado em Ed. Física e Graduação Superior em Judô  6º Dan Faixa Vermelha e Branca (Rajada).  Carioca Morador do Cruzeiro Novo DF.


Fonte: Prof. Kleber Fragoso

sábado, 29 de agosto de 2015

SOBRADINHO: Após encontrar feijão em frasco de remédio, cliente aciona Anvisa e MP




Gerente abriu um novo pote do mesmo medicamento que estava no estoque e também encontrou feijões em seu interior

(*)  Larissa Rodrigues

Após comprar um remédio para a mãe em uma farmácia de Sobradinho, na última terça-feira (25/8), a bancária Eliana Sena, 44 anos, se espantou ao abrir o frasco do produto e encontrar caroços de feijão. Eliana conta que abriu o pote do medicamento e notou que o lacre estava rompido. "Quando abri, achei estranho ter tão pouco conteúdo. Coloquei em um prato e contei 24 caroços de feijão. Voltei imediatamente à farmácia", conta.

Arquivo pessoalDe acordo com a bancária, ao chegar no estabelecimento e relatar o ocorrido, os funcionários duvidaram da veracidade do fato. Ainda segundo ela, o gerente, que também aparentou não acreditar no relato, fez algumas ligações e depois abriu um novo pote do mesmo medicamento que estava no estoque, e também encontrou feijões. A quantia de R$ 205, gasta ao comprar o remédio, foi devolvida para a cliente, que registrou uma ocorrência na Anvisa, no Ministério Público e no laboratório Zodiac, responsável pela produção do remédio. "A receita que o médico me deu era para três caixas do remédio. Eu comprei só uma, pois era caro e não sabia se ela (a mãe) ia se adaptar. Se tivesse comprado todas, provavelmente ia pegar o estoque da farmácia. Como ia provar que recebi feijões?", questiona.

De acordo com Eliana, o laboratório entrou em contato com ela por e-mail e informou que a referida embalagem, deixada na farmácia, será recolhida no estabelecimento e "entregue na fábrica para ser submetida à análise". Eles informaram, ainda, que "o fato será levado ao conhecimento das autoridades competentes para investigação e apuração de eventuais irregularidades".

A reportagem procurou o laboratório e o dono da farmácia, mas até o momento da publicação do texto não obteve resposta.


(*) Fonte: Larissa Rodrigues /Correio Braziliense

BOLETIM DE OCORRÊNCIA

Estelionatária é presa em Sobradinho por aplicar golpes pela internet


A corporação informou que várias pessoas fizeram registro de ocorrências


Uma mulher foi presa em Sobradinho na tarde desta sexta-feira (28/8), suspeita de aplicar golpes pela internet. De acordo com a Polícia Civil do Distrito Federal, a mulher anunciava mercadorias de marcas famosas em uma loja virtual, as vítimas faziam o pagamento pelo site e os produtos não eram entregues. Ainda segundo informações da PCDF, os produtos vendidos por ela na página eram: bolsas, óculos e outros acessórios femininos. As vítimas só descobriam o golpe quando efetuavam o pagamento e não recebiam as mercadorias. A corporação informou que várias pessoas fizeram registro de ocorrências. A criminosa foi levada para a 13ª Delegacia de Polícia (Sobradinho) e autuada por tentativa de estelionato.
Fonte: Correio Braziliense

CIDADE: Programa para incluir a juventude no mercado de trabalho é prorrogado



Governador participou da solenidade de renovação do projeto que passou a se chamar Brasília + Jovem Candango


(*)  Ádamo Araujo

Programa para incluir a juventude no mercado de trabalho é prorrogado

Um aporte R$ 11,2 milhões do Fundo dos Direitos da Criança e do Adolescente do Distrito Federal vai garantir até o fim de 2015 a continuidade do Jovem Candango, que a partir de hoje passa a se chamar Brasília + Jovem Candango. Na manhã deste sábado (29), cerca de 3 mil pessoas, segundo a Polícia Militar, assistiram à solenidade de renovação do programa. O evento ocorreu na Quadra 12 de Sobradinho, Área Especial nº 3, na Obras Sociais Jerônimo Candinho, uma das entidades parceiras da iniciativa.

A cerimônia contou com a presença do governador Rodrigo Rollemberg e da esposa, Márcia Rollemberg, colaboradora do governo de Brasília. Um termo aditivo que prorroga o programa por mais um ano foi assinado pelo chefe do Executivo e pelos secretários de Relações Institucionais e Sociais, Marcos Dantas; do Esporte e Lazer, Leila Barros; de Gestão Administrativa e Desburocratização, Alexandre Lopes; de Políticas para Crianças, Adolescentes e Juventude, Jane Klebia Reis; e do Trabalho e Empreendedorismo, Thiago Jarjour.

"Estender essa iniciativa é uma maneira de colaborar com a formação da nossa juventude", afirmou o governador. Por falta de verba, o projeto que qualifica adolescentes para o primeiro emprego estava ameaçado de ser suspenso nessa sexta-feira (28), quando venceu o contrato do governo local com as duas entidades que gerenciam o encaminhamento a vagas de trabalho em instituições públicas do Executivo local. "É uma oportunidade para aprender e iniciar uma carreira", disse a participante Érika Mesquita, de 17 anos.

Também estiveram no evento os administradores regionais de Sobradinho, Divino Sales, e de Planaltina, Vicente Salgueiro; a presidente da Câmara Legislativa, deputada Celina Leão (PDT); e os deputados distritais Julio César (PRB), líder do governo, Raimundo Ribeiro (PSDB) e Agaciel Maia (PTC); e representantes das instituições parceiras.

Nova administração

O repasse foi aprovado pelo Conselho dos Direitos da Criança e do Adolescente, na terça-feira (25). Sem o dinheiro do fundo, os cerca de 2,3 mil jovens de 14 a 18 anos em situação de vulnerabilidade social atendidos ficariam prejudicados. Administrado pela Secretaria de Gestão Administrativa e Desburocratização, o Brasília + Jovem Candango será transferido, via decreto, à Secretaria de Políticas para Crianças, Adolescentes e Juventude.

Em 2016, os recursos virão do orçamento da pasta, que passará a destinar, das 3 mil vagas, pelo menos mil a adolescentes que cumprem medida socioeducativa em liberdade assistida. O programa foi pensado para jovens dessa faixa etária de famílias com renda per capita de meio salário mínimo e que estão matriculados na rede pública de ensino. Além de ser preparados para o mercado de trabalho, os integrantes recebem uma bolsa-auxílio de R$ 525,33, vale-refeição de R$ 220 e vale-transporte de R$ 150 (este pode variar conforme o local de moradia).

Jornada de trabalho

O programa é executado por duas instituições com larga experiência na promoção de projetos assistenciais destinados a jovens de famílias mais carentes: a Obras Sociais Jerônimo Candinho e a Rede Nacional de Aprendizagem, Promoção e Integração. O aprendiz cumpre jornada de quatro horas por dia na organização pública a que foi encaminhado e, além da bolsa-auxílio, tem direito a férias, Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) e décimo terceiro salário.

Os beneficiários podem prestar serviço às secretarias de Estado, à Procuradoria-Geral do DF, às administrações regionais e a órgãos e autarquias, como a Defensoria Pública do DF, o Departamento de Estradas de Rodagem, o Instituto Brasília Ambiental, o Instituto de Previdência dos Servidores do Distrito Federal, a Polícia Civil e o Transporte Urbano do DF (DFTrans).





(*) Fonte: Ádamo Araujo e Saulo Araújo/Foto: Gabriel Jabur/Agência Brasília

Mulher acha feijão em frasco de remédio em Sobradinho, DF


Ela disse que percebeu que o lacre do pote estava rompido

Foi encontrado feijão no frasco de remédio

Uma bancária encontrou feijão no lugar de comprimidos num frasco de analgésico em Sobradinho, no Distrito Federal. O remédio custou R$ 200 e precisa de receita para ser vendido. Ela disse que percebeu que o lacre do pote estava rompido. A mulher voltou à farmácia para pedir a troca do produto e o gerente da drogaria encontrou feijão em outro exemplar do medicamento.


( Fonte: Rádio Globo / Foto Claudinei Santana )

NOTÍCIAS DA OAB/DF


SUBSEÇÃO DE SOBRADINHO COMEMORA MÊS DO ADVOGADO





A Subseção de Sobradinho da OAB/DF realizou evento de celebração pelo mês do advogado na última quinta-feira (27). O encontro ocorreu na Pizzaria São Paulo e reuniu a diretoria da Subseção e profissionais que militam na região e entorno.

Segundo Márcio Oliveira, presidente da Subseção, Sobradinho conta com aproximadamente 500 advogados. Ele parabenizou os colegas e agradeceu a presença de todos. “Hoje é um dia de comemoração, pelo esforço e pela dedicação diária da classe”, disse. O presidente também ressaltou que a convivência é de extrema importância para os advogados. “A Subseção de Sobradinho tem trabalhado para oferecer um apoio cada vez melhor aos profissionais e juntos somos mais fortes”.

2A tesoureira da Subseção, Aline Guida, relatou que momentos de confraternização aproximam os advogados. Segundo ela, o ambiente abre espaço para eles compartilharem as experiências vividas na profissão. “Eles conversam sobre as demandas, ansiedades e conquistas, e isso é uma oportunidade de se unirem cada vez mais e assim, fortalecerem a advocacia”, concluiu.

1Durante a confraternização, foram homenageados os ex-diretores da Subseção de Sobradinho, José Cosmo Antunes, Leomar de Vasconcelos Costa, Hundalto Guida, Sebastião Augusto de Azevedo Filho, Pedro Neto Gomes Vanderley, Moacir Severino Carlos, Vicente de Paulo Torres da Penha, João Jacob Gonçalves, Sérgio Rogério Machado da Silva, José Nonato da Silva, José Vidal Machado, Ana Luiza Pontier Almeida, Antônio Nilson Rocha, Valdivino Pires Gonçalves, Paulo Cesar Silva dos Reis, Divino de Oliveira Sales, Guilherme Jorge da Silva e Eurípedes Vieira.

Fonte: Comunicação social – jornalismo

OAB/DF

sexta-feira, 28 de agosto de 2015

EDIÇÃO 283 DE AGOSTO DE 2015: NÃO DEIXE DE PEGAR SEU EXEMPLAR GRATUITAMENTE NA BANCA OU REVISTARIA MAIS PRÓXIMA DE SUA RESIDÊNCIA...









UTILIDADE PÚBLICA: Combate a Leishmaniose em Sobradinho neste sábado (29)



Ação será realizada no Condomínio Entre Lagos


A Semana Distrital de Prevenção e Controle de Leishmaniose, que teve início no dia 17, será encerrada neste sábado (29) e, para fechar as atividades, o condomínio Entre Lagos, em Sobradinho, receberá uma ação de combate à doença, a partir das 9 horas.
​ 
O evento tem como objetivo estimular ações preventivas e de controle para a leishmaniose visceral de população residente em áreas de risco de infecção. 

Serão realizadas rodas de conversa, estande para exposição do mosquito-palha, coleta para diagnóstico da leishmaniose visceral canina, entrega de coleira de proteção individual contra a doença no cão e posto de vacinação antirrábica.
​ 
As coleiras serão entregues para aqueles que participarem das rodas de conversa, forem maior de idade e apresentarem o documento de identidade. Será entregue uma coleira por pessoa ou uma por cão no evento.

Em 22 de agosto foi realizada esta mesma ação na Fercal. Foram vacinados 500 animais contra raiva, coletados 352 amostras de sangue para diagnóstico da leishmaniose visceral canina e distribuídas cerca de 1,1 mil coleiras de proteção à doença.
​ 
"Escolhemos as regiões da Fercal e de Sobradinho por terem apresentado casos autóctones de leishmaniose visceral no primeiro semestre deste ano", informa a diretora da Dival, Vaneide Pedi.

A ação é uma parceria da Diretoria de Vigilância Ambiental (Dival/SVS) com a Administração Regional de Sobradinho e com a Diretoria de Atenção Primária da Regional de Saúde de Sobradinho.


AÇÃO DE COMBATE A LEISHMANIOSE EM SOBRADINHO
Data: sábado, 29 de agosto
Horário: 9h às 13h.
Local: Condomínio Entre Lagos​

Feira da Fercal será palco de ação contra a dengue




Residências serão vistoriadas pelas equipes da Saúde



A Coordenação Geral de Saúde de Sobradinho realizará, neste sábado (29), ações pontuais de educação em saúde para a promoção e prevenção da Dengue, na Feira Permanente da Fercal, a partir das 8 horas.
Um estande de controle da dengue será montado para que a comunidade possa ver de perto amostras de larvas, do mosquito da dengue, pneus com demonstração do acúmulo de água. Também serão oferecidos banners educativos, atividades de pintura para as crianças que, após participarem da oficina, poderão se tornar agentes mirins, com recebimento de diploma, a fim de replicarem para seus amiguinhos, familiares e vizinhos o que aprenderam com a equipe.
Equipes de saúde realizarão visitas domiciliares nas regiões administrativas da Regional de Saúde de Sobradinho II para inspeção e identificação de focos do mosquito transmissor em imóveis cujos proprietários não foram encontrados durante as ações da Semana D de Dengue.

O evento é uma parceria entre a Coordenação Geral de Saúde de Sobradinho, juntamente com a Diretoria de Atenção Primária à Saúde, 13º Batalhão da Polícia Militar do Distrito Federal, CRAS da Fercal, Núcleo Regional da Vigilância Ambiental de Sobradinho, Administração Regional de Sobradinho II e Líderes Comunitários.

Fonte: Secretaria de Estado de Saúde do DF

quinta-feira, 27 de agosto de 2015

INFORME PUBLICITÁRIO




OBS: A ÚNICA LOJA OFICIAL DA MORENA ROSA EM SOBRADINHO/DF

Liliane consegue aprovar PDL e garante renda para a Abrace em McDia Feliz





Em plenário, a vice-presidente da Câmara Legislativa, deputada distrital Liliane Roriz, conseguiu reunir 20 dos 24 parlamentares da Casa e aprovar, por unanimidade entre os presentes, o PDL protocolado por ela nesta quinta-feira, que garante que a comercialização do Big Mac da Rede McDonald’s ficará isenta do ICMS, podendo, assim, o dinheiro arrecadado com a venda dos sanduíches ser repassado às entidades assistenciais de apoio à crianças e adolescentes com câncer e hemopatias do Distrito Federal.

Rua do Lazer será estendida a todas as regiões administrativas


 
Deputado Distrital Professor Israel
Com o objetivo de estimular a ocupação da cidade e proporcionar momentos de recreação para toda população do Distrito Federal, o deputado Professor Israel protocolou o Projeto de Lei nº 536/2015, que institui o programa “Rua do Lazer”, aos moldes do que já ocorre há 25 anos no “Eixão do Lazer”.

O PL estabelece que cada Região Administrativa poderá eleger um trecho de suas ruas ou quadras para interromper o trânsito para a realização de práticas esportivas e outras atividades. De acordo com o parlamentar, a medida vai democratizar o uso do espaço público. “O que é privilégio hoje somente na região do Plano Piloto será estendido a todas as regiões e seus moradores, que poderão ter momentos de lazer e esporte próximo de casa”, explicou.

Segundo o projeto, o trecho a ser realizado a “Rua do Lazer” será escolhido pela população da Região Administrativa e ficará liberado para uso das 6 às 18 horas. “No local dos carros, as ruas vão receber pessoas de todas as idades com bicicleta, patins, skates, animais de estimação, ou simplesmente passeando”, apontou Professor Israel.


Foto: Divulgação

ESPORTE: G10 Hope e Aston Villa levam o primeiro lugar das categorias Sub 14 e Sub 18 do campeonato da ASFI em Sobradinho



A Associação Serrana de Futebol Infantil realizou a entrega de troféus e medalhas aos jovens jogadores da competição esportiva na noite desta terça-feira (27)

Emoção e alegria, esse foi o clima da noite desta terça-feira (27), no Teatro de Sobradinho, onde aconteceu a entrega da premiação das categorias Sub 14 e Sub 18 do campeonato da Associação Serrana de Futebol Infantil (ASFI) e a apresentação da nova diretoria da ASFI.

A competição contou com, aproximadamente 300 jogadores, divididos em equipes, oito da categoria Sub 14 e quatro da categoria sub 18. Os vencedores receberam das mãos do administrador regional de Sobradinho, Divino Sales, os troféus e medalhas das primeiras colocações. Também foram destacados os artilheiros e defesa.

Durante a solenidade, pais de jogadores agradeceram a Associação pelo cuidado com os jovens competidores que se dedicam ao esporte sem esquecer dos estudos. E o administrador também lembrou da importância dos jogos, que possuem equipes de todas as regiões de Sobradinho. "Nossa Juventude de Sobradinho tem um futuro promissor", ressaltou o gestor. Confira os resultados!

ASFI – Categoria Sub 14

Artilheiro : Richardson Souza da Silva – 10 gols
Defesa menos vazada: Escolinha MK
Campeão : G10 Hope
2º lugar: Escolinha MK
3º lugar: Estrela Futebol Clube

ASFI – Categoria Sub 18

Artilheiro : Wilker – 12 gols
Defesa menos vazada: Aston Villa
Campeão : Aston Villa
2º lugar: Estrela F.C
3º lugar: DEC/Rogerinho Social






Fotos: João Timóteo

SAÚDE: ​Maioria dos atendimentos em pronto-socorro não é de emergência



Dados dos maiores hospitais do DF apontam que muitos dos pacientes poderiam ser atendidos em consultas regulares


Dados de atendimento no pronto-socorro dos maiores hospitais públicos do Distrito Federal apontam que a maioria dos pacientes está ali para tentar resolver problemas que poderiam ser solucionados em centros de saúde. O resultado não é diferente do restante do país. De acordo com a Associação Brasileira de Medicina de Emergência (Abramede), 60% dos casos que chegam à emergência poderiam ser resolvidos em consultas de rotina, considerando-se informações tanto da rede pública quanto da privada.

Somente no Hospital Regional de Ceilândia, em 2014, 150 mil atendimentos na emergência foram de pacientes classificados como verde, ou seja, sem gravidade, contra 606 identificados com a pulseira vermelha, quando necessitam de atendimento urgente. No Hospital Materno Infantil de Brasília (Hmib), em maio, o número de pacientes classificados como verde e azul ultrapassou o de vermelho, amarelo e laranja juntos: 2.425 contra 2.304.

“Há anos as pessoas vão às unidades básicas de saúde e não conseguem atendimento. Com isso, foram sendo incorretamente educadas a procurar imediatamente a emergência por qualquer que seja o problema”, lembrou o subsecretário de Atenção Primária à Saúde, Berardo Nunan.

O relato é compartilhado com o presidente da Associação Brasileira de Medicina de Emergência, Frederico Arnaud. “O sistema primário e secundário geralmente não funcionam. Assim, sobra uma alternativa onde na maioria das vezes, de uma forma ou de outra, pode encontrar atendimento: a emergência”, observa.

SOLUÇÃO – Caso todos os pacientes classificados como verde, azul e até mesmo alguns amarelo buscassem atendimento em postos e centros de saúde, as emergências dos hospitais ficariam menos lotadas. Porém, para isso, é necessário reforço na atenção primária para que todas as pessoas consigam resolver seus problemas antes de ir ao pronto-socorro.

“Parte do problema se deve à uma baixa cobertura do serviço de atenção primária, que não é suficiente para atender à demanda do DF e a que recebemos da Região Integrada de Desenvolvimento Econômico, que são os municípios do entorno”, explica Berardo Nunan. No ano passado, somente nas emergências públicas do DF, cerca de 400 mil pacientes atendidos eram de outros estados, a maioria de Goiás e Minas Gerais.


Algumas soluções estão sendo colocadas em pauta pela nova gestão da Saúde no DF. A principal meta é aumentar a cobertura da atenção básica de 27% para 80%. Antes que essa meta seja alcançada, outras medidas têm sido adotadas pela secretaria. “Queremos implantar a agenda aberta. Para isso, os centros de saúde precisam estar todos informatizados e já começamos a fazer isso. Estamos distribuindo 2,5 mil computadores para os postos”, diz o secretário de Saúde, Fábio Gondim. Além disso, segundo o secretário, há a intenção de estender o horário de atendimento dos centros de saúde, para que funcionem após as 18h.

“Uma atenção primária bem equipada é totalmente capaz de fazer o primeiro atendimento até mesmo de pacientes graves, antes de encaminhá-lo à uma emergência”, destacou Berardo Nunan, completando que ampliar a cobertura é aumentar a sensação das pessoas de que também é responsável pela saúde.

A proposta do governo de Brasília é que sejam construídas 138 unidades básicas de saúde. Outras já existentes serão revitalizadas. Para isso, serão contratados servidores para constituir equipes de saúde da família, compostas por um médico da família, um enfermeiro, dois técnicos de enfermagem, cinco agentes comunitários, um cirurgião dentista e um técnico em saúde bucal.

É EMERGÊNCIA? – O pronto-socorro deve ser um local para atender pacientes que, de fato, estejam com risco eminente de morte. Geralmente, acidentados, suspeitas de infarto, derrame, apendicite, pneumonia, fraturas, entre outras coisas.

Se o que a pessoas estiver sentindo não se enquadrar em nenhum desses casos, é possível agendar uma consulta ambulatorial em um centro de saúde próximo de casa. O médico será capaz de identificar a necessidade de encaminhamento para um atendimento mais especializado.

Nos postos de saúde são feitas consultas regulares, tratamento odontológico, exames laboratoriais e aplicação de vacinas.

CLASSIFICAÇÃO DE RISCO – A Secretaria de Saúde do Distrito Federal usa o Protocolo de Manchester de Classificação de Risco desde 2012. Esse sistema prioriza o atendimento pela gravidade do caso e não pela idade ou ordem de chegada. O objetivo é acolher o paciente, avaliar a sua necessidade clínica para atender de acordo com a urgência.

Essa avaliação é sinalizada com as pulseiras nas cores vermelha (emergência); laranja (muito urgente); amarela (urgente); verde (pouco urgente) e azul (não urgente).

  
ATENDIMENTOS EM HOSPITAIS
JUNHO DE 2015

Hospital Regional da Asa Norte - HRAN
Vermelho: 27
Laranja: 1.061
Amarelo: 1.624
Verde: 872
Azul: 65

  
Hospital Materno Infantil de Brasília - HMIB
Vermelho: 16
Laranja: 321
Amarelo: 1.073
Verde: 2.085
Azul: 49

Hospital de Base do Distrito Federal - HBDF
Vermelho: 73
Laranja: 1.731
Amarelo: 3.550
Verde: 3.913
Azul: 171

Hospital Regional de Taguatinga - HRT
Vermelho: 15
Laranja: 753
Amarelo: 1.721
Verde: 3.459
Azul: 229


Maioria dos atendimentos em pronto-socorro não é de emergência



Fonte: Secretaria de Estado de Saúde do DF

Liliane Roriz protocola projeto para salvar McDia Feliz no Distrito Federal


Parlamentar pede que colegas votem a aprovem o projeto. Só assim, venda do Big Mac no DF será revertida para entidades assistenciais

A vice-presidente da Câmara Legislativa, deputada distrital Liliane Roriz, corre contra o tempo para evitar que Brasília fique de fora do McDia Feliz, marcado para acontecer no próximo dia 29 de agosto, em todo o Brasil. Ela protocolou hoje na Casa um Projeto de Decreto Legislativo que precisa ser votado ainda nesta quinta-feira. Só assim, a comercialização do Big Mac da Rede McDonald’s ficará isento do ICMS para que o dinheiro arrecadado com a venda dos sanduíches seja repassado às entidades assistenciais de apoio à crianças e adolescentes com câncer e hemopatias do Distrito Federal.

No PDL apresentado pela parlamentar, fica homologado o Convênio ICMS nº 106, de 9 de julho de 2010, do Conselho nacional de Política fazendária – CONFAZ, prorrogado pelo Convênio ICMS nº 27 de 22 de abril de 2015. Só assim, o DF poderá conceder isenção do ICMS na comercialização do Big Mac. Caso contrário, a ABRACE – entidade usualmente indicada na Capital para receber os recursos vindos do MCDia Feliz – e seus projetos sociais reconhecidos internacionalmente, ficarão prejudicados.

Para evitar que o PDL não seja votado hoje, Liliane Roriz está procurando, pessoalmente, os deputados distritais e pedindo para que todos votem e aprovem o projeto. “Crianças e adolescentes com câncer esperam por esse recurso que chega, desde 1999. Não podemos permitir que este ano, os projetos da Abrace fiquem de fora”, explicou a vice-presidente da Câmara Legislativa.


McDia Feliz – Em 2014, a arrecadação de R$ 22.482.890,14 milhões foi recorde no Brasil e representou um crescimento de 9,7 % em relação ao ano passado. Em 2015, 73 projetos de 58 instituições país que atuam para elevar os índices de cura do câncer infantojuvenil de todo o país receberão recursos da arrecadação da campanha.

Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa realiza a segunda audiência pública para debater a crise de saúde no DF


 
Senador Hélio José
 A Comissão de Direitos Humanos do Senado Federal promoverá, nesta sexta-feira (28/8), a partir das 8h30, audiência pública para debater os problemas da Saúde no Distrito Federal e no Brasil. Estão convidados: a secretária de Atenção a Saúde do Ministério da Saúde, Lumena Furtado; o secretário de Saúde do Distrito Federal, Fábio Gondim; o representante do setor empresarial de Saúde, Rafael Leal; o representante do Ministério Público, Jairo Bisol; o representante do Ministério do Planejamento, Arnaldo Barbosa; o presidente do Conselho de Saúde do DF, Helvécio Ferreira; o Chefe da Casa Civil do Distrito Federal, Sérgio Sampaio e o representante de Micro e Pequeno Empresário da Saúde do DF, Eliezer Mota.

A audiência, fruto de requerimento do senador Hélio José (PSD-DF) foi dividida em duas etapas. Na primeira, realizada na última sexta-feira (21) os participantes -representantes de sindicatos da área de Saúde, Defensoria Pública e representantes dos micro e pequenos empresários do segmento - fizeram levantamento da situação. Os problemas vão desde a situação precária de algumas unidades de saúde, até a falta de medicamentos e profissionais para o atendimento à população.

Na reunião desta sexta-feira, o objetivo é fazer com que os gestores de saúde apontem as soluções para os problemas.


Serviço

Local: Comissão de Direitos Humanos
Anexo II, Ala Senador Nilo Coelho, Plenário nº 2
Horário: 8h30
Mais informações: Assessoria de Comunicação Social do senador Hélio José.
(61) 3303-6615


Fonte: Coordenação de Comunicação Social

Câmara do DF vai debater desrespeito com trabalhadores terceirizados no GDF




A ausência de uma regulamentação legislativa aliada aos constantes atrasos de salários, benefícios, quitação de dividas trabalhista, constrangimentos funcionais e desrespeitos sistemáticos com a Convenção Coletiva de Trabalho e a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), levaram a direção do Sindiserviços-DF, sindicato que representa mais de cem mil trabalhadores terceirizados no Distrito Federal (DF), desses cerca de quarenta mil são empregados das empresas contratadas pelo Governo do Distrito Federal (GDF), a pedir para a Central Única dos Trabalhadores (CUT Brasília) solicitar ao deputado distrital Chico Vigilante (PT/DF) a realização de Audiência Publica que será realizada na próxima segunda-feira 31 de agosto, às 15 horas, no plenário da Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF).

Na Audiência Publica trabalhadores, sindicalistas vinculados à CUT, sindicato patronal, empresários, representantes do GDF, Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), ministros, juízes, procuradores e juristas da esfera trabalhista, vão debater e buscar soluções também para as constantes denuncias de exploração significativa da pratica ilícita da terceirização com total descumprimento com o consolidado pela jurisprudência do enunciado na Súmula 331, do Tribunal Superior do Trabalho (TST).

A ampliação de aspectos nocivos para os trabalhadores com a possibilidade da aprovação pelo Senado Federal do PLC 30/2015 (PL 4330/2004), estarão presentes nos debates.

Para a categoria, o projeto é considerado o “PL da Escravidão”, que intensificará a precarização do trabalhador terceirizado que já trabalha duas horas a mais e ganha 27% menos que as demais categorias profissionais, segundo pesquisa da CUT Brasil e do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Sócio Econômicos do DF (Dieese).

Realidade Local

A secretária de Saúde do Trabalhador da CUT Brasília e diretora do Sindiserviços-DF, Selene Siman, disse que foi com passeata histórica e greve com a participação de milhares de terceirizados no DF, que a categoria conquistou um reajuste salarial de 9% para quem ganha até R$ 1.500,00 e 7% para quem ganha acima desse valor, aumento no tíquete alimentação que passou de R$ 20,00 para R$ 24,00. Alem do avanço em varias clausulas sociais da Convenção Coletiva de Trabalho da Categoria, em janeiro de 2015.

Porém, destaca a diretora do Sindiserviços-DF, que diversas empresas contratadas pelo GDF não repassaram o direito conquistado pela categoria aos seus empregados.

A secretária da CUT Brasília, explicou que após varias audiências e denuncias formuladas pelo sindicato no Ministério Publico do Trabalho da 10ª Região (MPT – 10ª Região), pedido de fiscalização da Superintendência Regional do Trabalho (SRT) e Ação que tramita no Tribunal de Justiça do Trabalho do DF (TJT/DF), em julho o GDF chamou os patrões e, na presença dos diretores do Sindiserviços-DF, formalizou em Ata a regularização dos reajustes e quitação das diferenças até setembro deste ano.

Para o diretor de Comunicação e Imprensa do Sindiserviços-DF, Antonio de Pádua Lemos, são flagrantes a precariedade dos locais de alimentação, descanso e asseio para atender os trabalhadores. Em especial, os da limpeza, conservação e manutenção nas escolas publicas, hospitais e postos de saúde, entre outras repartições do GDF.

Ele também denuncia que tal precariedade vem ocorrendo em diversos órgãos do Governo Federal e empresas privadas.

Jorge Prates, diretor de Formação Sindical do Sindiserviços-DF, ressalta que é preciso encontrar uma saída para diversos problemas que afligem os trabalhadores prestadora de serviços para o GDF, incluído os já citados atrasos de benefícios e morosidade com o cumprimento de direitos conquistados.

Ele acredita que a realização da Audiência Publica servirá para se buscar soluções.
Mesmo porque, finalizou, já estamos com a expectativa da Campanha Salarial 2016 das trabalhadoras e dos trabalhadores terceirizados, que se inicia no dia 28 de outubro com a realização da Assembléia Geral da Data Base.


Por Imprensa Sindiserviços-DF – Robson Oliveira Silva

CONVITE AOS SOBRADINHENSES: NO CONDOMÍNIO IMPÉRIO DOS NOBRES ACONTECE...





Maiores Informações com Kellen Valério: 3302-1220 ou 8481-1216.