Pesquise neste blog

sexta-feira, 23 de outubro de 2015

Tribunal de Contas faz inspeção na Torre de TV Digital nesta sexta


Mirante foi reaberto ao público no último dia 12 e a Corte vai verificar, às 16h, se Governo do DF fez as adequações necessárias

O presidente do Tribunal de Contas do Distrito Federal, conselheiro Renato Rainha, e a equipe do Núcleo de Fiscalização de Obras farão uma inspeção na Torre de TV Digital nesta sexta-feira (23/10), às 16h. O mirante foi reaberto ao público no último dia 12 e a Corte vai verificar se o Governo do DF fez as adequações necessárias para deixar o monumento confortável, acessível e, principalmente, seguro para a visitação.

Em fiscalizações realizadas em 2014 e neste ano, o corpo técnico do TCDF havia encontrado graves problemas na Torre de TV Digital. Falhas no projeto e na execução da obra causaram danos que poderiam trazer prejuízo à segurança, à durabilidade e à qualidade da chamada Flor do Cerrado.

No dia 20 de maio, o presidente do tribunal, recebeu o secretário de Infraestrutura e Serviços Públicos, Julio Cesar Peres; o secretário-adjunto da Sinesp, Maurício Canovas; o diretor de Edificações da Novacap, Márcio Buzar; juntamente com os auditores do TCDF que fiscalizam a construção. O objetivo foi apresentar o resultado das inspeções e fazer um esforço conjunto para solucionar as falhas apontadas.

Os auditores da Corte haviam apurado que o projeto não previu a captação e a drenagem das águas pluviais, especialmente nas passarelas de acesso às cúpulas (bar e exposições). A água das chuvas não tinha para onde escoar adequadamente, o que causou graves infiltrações. Havia também indícios de corrosão da estrutura; sinais de oxidação da armadura de aço; além de trincas grandes na fachada, na cobertura e internamente; fissuras diversas nas rampas e por toda a obra.

Baixa qualidade
Na época, foram identificados alagamentos internos, aumentando as infiltrações. Houve ainda dano ao funcionamento dos sistemas de esgotamento sanitário a vácuo e de ar condicionado, por causa do escoamento indevido da água para essas tubulações. Na inspeção realizada, o TCDF também tinha apontado a baixa qualidade da obra.

A Torre de TV Digital apresentava mau acabamento e mau funcionamento de alguns sistemas e instalações. Havia fios expostos; vazamentos no sistema de descarga a vácuo e nas bombas d’água; calçadas de acesso remendadas; grandes rachaduras no piso; significativas imperfeições no acabamento de pintura em diversos locais; inclinação da rampa lateral de acesso com caimento para fora; defeitos graves no acabamento dos banheiros (fixação do espelho com adesiva, pedras manchadas e o revestimento das portas soltando); sistema de alarme de incêndio desligado por falta de sensores, que foram furtados; carpete descolando; vidros e portas rachados; entre outros.


Informações da Assessoria de Imprensa do TCDF/ Foto Michael Melo Metrópoles

Nenhum comentário: