Pesquise neste blog

Secretaria de Estado da Casa Civil - DF

quarta-feira, 28 de dezembro de 2016

ESPORTE

Centros olímpicos do DF oferecem cursos nas férias escolares de janeiro

Além de modalidades esportivas, unidades terão opções de lazer e culturais para crianças, adolescentes e pessoas com deficiência, de 4 a 17 anos, que estudem nas redes pública e privada

(*) MARINA NERY

De 3 a 27 de janeiro, os centros olímpicos e paralímpicos do Distrito Federal vão oferecer uma programação especial. Nas 11 unidades, o projeto Esporte nas Férias, da Secretaria do Esporte, Turismo e Lazer, promoverá atividades para crianças, adolescentes e pessoas com deficiência, de 4 a 17 anos, que sejam alunos das redes pública e particular.

As inscrições já estão abertas e devem ser feitas nas secretarias dos centros, de segunda a sexta-feira, das 8 às 12 horas e das 14 às 18 horas. É necessário preencher uma ficha e informar dias da semana e horários em que deseja participar de uma das 15 modalidades esportivas, como basquete, futebol e vôlei. As opções de esportes variam de uma unidade para outra.

As aulas serão de segunda a sexta-feira, das 7h40 às 11h20 e das 14 às 17h40. Além dos cursos, haverá gincanas, brincadeiras e competições, entre outras atividades ao ar livre.

Os centros olímpicos e paralímpicos ficam nas seguintes regiões administrativas (veja os endereços abaixo): Brazlândia, Ceilândia (Sol Nascente e QNO 9), Estrutural, Gama, Recanto das Emas, Riacho Fundo I, Samambaia, Santa Maria, São Sebastião e Sobradinho.

SERVIÇO:

Esporte nas Férias

Cursos nos centros olímpicos e paralímpicos do DF

De 3 a 27 de janeiro de 2017

Aulas das 7h40 às 11h20 e das 14 às 17h40

Inscrições nas secretarias, de segunda a sexta-feira, das 8 às 12 horas e das 14 às 18 horas

Centros olímpicos e paralímpicos do DF
Brazlândia
Bairro Vila São José, Quadra 35, AE 22
Ceilândia – Sol Nascente
QNP 21, P Norte, Parque da Vaquejada
Ceilândia – QNO 9
Conjunto 1, Lote 1, Setor O
Estrutural
Área Especial 2, Setor Norte
Gama
Área Especial, Setor Central, ao lado do Bezerrão
Recanto das Emas
Entrequadra 400/600
Riacho Fundo I
QS 16, Lote F
Samambaia
QS 119, Área Especial, Samambaia Sul
Santa Maria
Quadra Central 3, AE 4
São Sebastião
Quadra 2, Bairro São Bartolomeu
Sobradinho
Quadra 2, Setor Esportivo, Área Especial

(*) fONTE: MARINA NERY, EDIÇÃO: RAQUEL FLORES, Foto: JS

FATALIDADE


Criança de 1 ano morre afogada em piscina de Sobradinho

Equipe do Samu chegou a resgatar bebê, mas não conseguiu restabelecer sinais vitais. Menino chegou a ficar cerca de 5 minutos dentro da água.

Uma criança de 1 ano morreu afogada, na noite desta segunda-feira (27), após cair na piscina de um condomínio de Sobradinho, no Distrito Federal. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o menino chegou a ser atendido por profissionais do Samu, que tentaram manobras de ressuscitação por cerca de uma hora.

O procedimento não teve sucesso, e a morte foi declarada no local por um médico da equipe. Bombeiros chegaram a comparecer ao local, mas também não conseguiram ajudar a salvar a criança. Segundo os militares, a criança passou cerca de 5 minutos submersa antes de ser encontrada por parentes.

(*) Com Informações de: G1.

terça-feira, 27 de dezembro de 2016

BOLETIM DE OCORRÊNCIA NA REGIÃO NORTE DO DF - SOBRADINHO


DUPLA FAZ "ARRASTÃO" EM SOBRADINHO, MAS ACABA PRESA PELA POLÍCIA MILITAR

(*) Geovani Carvalho

No final da noite de ontem (26 de dezembro), por volta de 23 horas, a Central Integrada de Atendimento e Despacho (CIADe), informou sobre dois indivíduos que haviam roubado um automóvel VW Gol de cor preta. A dupla estaria praticando roubos a pedestres pelas ruas de Sobradinho.

Já na madrugada de hoje (27), por volta de 1h da manhã, policiais militares integrantes do Grupo Tático Operacional 33 viram o veículo trafegando na rodovia BR 020, perto do corrêgo Arrozal. Após um acompanhamento, o carro foi abordado e seus ocupantes tentaram fugir correndo, mas foram impedidos pelos militares.

No local, verificou-se que dentro do veículo haviam vários objetos produtos de crime onde os indivíduos informaram que pertenciam as vítimas dos roubos ocorridos nas quadras 10, 12 e 13 de Sobradinho e que haviam comprado o carro pela quantia de duzentos reais. Diante do ocorrido, o veículo, os pertences das vítimas e os detidos foram conduzidos a Delegacia da área para adoções pertinentes junto a autoridade policial. Várias vítimas compareceram a Delegacia e reconheceram os dois detidos como os autores dos roubos.
(*)Fonte:  Geovani Carvalho/PMDF

SAÚDE

Farmácia Viva produziu 25 mil fitoterápicos em 2016

Número fabricado pela unidade da Secretaria de Saúde neste ano é 11,12% maior que em 2015. Remédios extraídos de plantas são alternativa para substituir medicamentos industrializados no tratamento de algumas doenças

Em 2016, a Farmácia Viva da Secretaria de Saúde aumentou a produção dos fitoterápicos, medicamentos extraídos de plantas. De 1º de janeiro a 13 de dezembro de 2016, foram fabricadas 25.037 unidades, contra 22.252 em todo o ano de 2015, crescimento de 11,12% — ou 3.055 a mais.

Gel de Babosa, produzido na Farmácia Viva da Secretaria de Saúde.

Com eficácia atestada pela Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa), os fitoterápicos são uma alternativa para quem quer se tratar de alguma doença sem usar medicamento industrializado. Na lista da Farmácia Viva estão chás, xaropes, tinturas, pomadas e gel.

Os vegetais utilizados são: alecrim-pimenta, babosa, boldo, confrei, erva-baleeira, funcho e guaco. “A proposta é oferecer uma opção terapêutica importantíssima na promoção à saúde, que tem alicerce em conhecimentos tradicionais, mas referendada por estudos científicos”, destaca o chefe da Farmácia Viva, Nilton Luz.

"A proposta é oferecer uma opção terapêutica importantíssima, que tem alicerce em conhecimentos tradicionais, mas referendada por estudos científicos “Nilton Luz, chefe da Farmácia Viva

Alguns fitoterápicos, segundo Luz, podem apresentar menores efeitos colaterais. “Devemos conhecê-los bem para a sua indicação ou prescrição”, esclarece. O xarope de guaco, que tem o nome científico de Mikania laevigata, é o mais procurado pelos pacientes.

Foram 14.263 unidades distribuídas. A solução serve como expectorante no tratamento de gripe, resfriado e infecções respiratórias que apresentam muco ou catarro. Para quem é diabético e não pode consumir açúcar, a farmácia fabricou 545 tinturas da planta e 177 pacotes para chá de guaco.

Com 3.921 unidades, em segundo lugar na produção, está o gel de erva-baleeira (Cordia verbenacea), um anti-inflamatório tópico usado para tratar infecções locais. Já a tintura de boldo nacional (Plectranthus barbatus), própria para desconforto digestivo, ficou em terceiro lugar, com 2.348 itens.

14.263 -  Quantidade de xaropes de guaco distribuídos pela Farmácia Viva em 2016

Na mesma linha do boldo, a tintura de funcho é uma alternativa para gases estomacais. Já o gel de alecrim-pimenta é indicado para tratamento de infecções causadas por fungo e bactéria na pele. Para auxiliar na cicatrização de feridas, há ainda a pomada ou o gel de confrei e o de babosa.

As plantas são cultivadas de forma orgânica na própria Farmácia Viva, no Riacho Fundo I, e nos terrenos do Complexo Penitenciário da Papuda e do Centro Nacional de Recursos Genéticos, parceiros do projeto.

Após a colheita, as ervas são selecionadas, secadas em estufa e trituradas até se transformarem em pó. Com esse material, é feita a extração da tintura ou extrato com álcool. A exceção é a babosa, usada fresca para produção do gel cicatrizante.

Os fitoterápicos são entregues mediante apresentação de receita prescrita pelos médicos nas unidades básicas de saúde. Os remédios podem ser obtidos em 20 locais diferentes, em 12 regiões administrativas: Candangolândia, Brazlândia, Gama, Guará, Núcleo Bandeirante, Recanto das Emas, Riachos Fundos I e II, Samambaia, São Sebastião, Sobradinho e Taguatinga.

Produção de fitoterápicos da Farmácia Viva de Brasília em 2016

FITOTERÁPICO
QUANTIDADE
Xarope de guaco (Mikania laevigata)
14.263
Gel de erva-baleeira (Cordia verbenacea)
3.921
Tintura de boldo nacional (Plectranthus barbatus)
2.348
Gel de babosa (Aloe vera)
1.841
Gel de alecrim-pimenta (Lippia origanoides)
1.076
Gel de confrei (Symphytum officinale)
695
Tintura de guaco
545
Chá medicinal de guaco
177
Tintura de funcho (Foeniculum vulgare)
171
fonte: AGÊNCIA BRASÍLIA, COM INFORMAÇÕES DA SECRETARIA DE SAÚDE - Foto: Dênio Simões/Agência Brasília

segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

BOLETIM DE OCORRÊNCIAS NA REGIÃO NORTE DO DF - SOBRADINHO


HOMEM É MORTO A TIROS NA FERCAL E AUTOR É PRESO PELA POLÍCIA CIVIL, APÓS DAR ENTRADA NO HOSPITAL, LESIONADO NOS TESTÍCULOS.

(*) Claudio Martins

Por volta das 6h30 de sábado, 24/12, Felipe Mateus Caetano dos Anjos, 28 anos, foi preso após assassinar a tiros um indivíduo de nome Jhonatan, no Boa Vista, Fercal, após uma discussão. Felipe foi preso por policiais civis da Seção de Investigação de Crimes Violentos da 35ª Delegacia de Polícia, no momento em que deu entrada no HRS, após se lesionar, com a arma de fogo, durante o cometimento do homicídio. A arma de fogo não foi localizada. Jhonatan foi socorrido à UPA de Sobradinho II, porém já chegou sem vida.

Segundo informação de testemunha, Jhonatan estava no Boa Vista, Fercal, na companhia de Felipe e mais dois indivíduos, quando começou uma discussão. Em certo momento da discussão, Felipe sacou de uma arma de fogo e efetuou cerca de dez disparos na direção de Jhonatan. Um dos indivíduos tentou conter Felipe, segurando-o, porém Jhonathan foi alvejado e caiu ao chão. Felipe que também estava sangrando, adentrou em seu veículo e fugiu do local.

Após praticar o homicídio, Felipe foi para o Hospital de Sobradinho, alvejado nos testículos e policiais civis da SIC/Vio receberam a denuncia e o estão acompanhando, com escolta policial, no Hospital de Base de Brasília. Após receber alta médica, Felipe será autuado em flagrante pelo crime de homicídio.

VEÍCULO TOMADO DE ASSALTO É RECUPERADO NA DF 420 COM PLACA ADULTERADA.


Por volta de 4h30 de sábado, 24/12, policiais militares do 13º Batalhão de Sobradinho recuperaram o veículo Fiat Uno WAY, placa OGQ 3107, produto de roubo na Área Central de Brasília, no ultimo dia 19. O veículo foi recuperado na DF 420, próximo ao antigo posto policial, após dois indivíduos fugirem da viatura, abandonarem o veículo e correrem para o matagal.

A equipe do Setor de Mansões, composta pelo sargento Marcelo Campos, cabo Claudio Paiva e soldado Gustavo Andrade realizava patrulhamento na DF 420 quando deparou com um veículo Fiat Uno de cor prata com dois indivíduos em atitude suspeita e anunciou a abordagem.

 O condutor do veículo ao perceber que seria abordado, empreendeu fuga dos policiais em direção ao Posto Contagem. Houve perseguição policial e os indivíduos abandonaram o veículo nas proximidades do antigo posto policial, ainda ligado, e correram para o interior do matagal. Não foi possível capturar os suspeitos na escuridão.

Os policiais verificaram a placa do veículo e constataram que estava adulterada com uma fita isolante, transformando o numeral 3 em 8. Ao solicitar junto a CIAD a situação da verdadeira placa do veículo, foi constatado que se tratava de produto de roubo. O veículo foi conduzido à 13ª Delegacia de Polícia e apreendido.

GTOP-33 PRENDE DUPLA POR PORTE ILEGAL DE ARMA DE FOGO, PRÓXIMO À ACAMPAMENTO DE SEM TERRA, NA DF-440.


Por volta das 2h40 de sábado, 24/12, policiais militares do Grupo Tático Operacional de Sobradinho prenderam dois indivíduos pelo crime de porte ilegal de arma de fogo. Com a dupla foi apreendida uma pistola calibre 380, com oito munições intactas.

A equipe Bravo composta pelos sargentos Carneiro, Salvo e Anderson Campos, realizava patrulhamento nas proximidades do Acampamento de Sem Terra Doroty, quando avistou três indivíduos em atitude suspeita. Um dos indivíduos ao avistar a viatura policial, retirou da cintura uma arma de fogo e jogou em baixo de um veículo que estava parado no local.
 
Os policiais realizaram a abordagem e próximo ao veículo, localizaram uma pistola calibre 765, com oito munições intactas. Os indivíduos foram conduzidos à 13ª Delegacia de Polícia e dois deles foram autuados pelo crime de porte ilegal de arma de fogo, um por estar portando a arma de fogo no momento da abordagem e o outro por assumir a propriedade da arma.

GTOP-33 APREENDE DROGAS E ARMA DE FOGO NA VILA DNOCS, APÓS INDIVÍDUO FUGIR DOS POLICIAIS.

Por volta das 23h de sexta-feira, 23/12, policiais militares do Grupo Tático Operacional de Sobradinho apreenderam cerca de um quilo de crack, meio quilo de maconha e uma pistola calibre 380, com munições intactas, após um indivíduo correr dos policiais e deixar a arma e uma mochila com as drogas para trás, na Vila Dnocs de Sobradinho.

A equipe Alfa do GTOP-33, composta pelos sargentos Alcino, Arilson, soldados Valverde e Jaqueline Passos, realizava patrulhamento na Vila Dnocs de Sobradinho, quando avistou um indivíduo em atitude suspeita no conjunto 02 da quadra 03 e ao se aproximar do indivíduo a fim de realizar a abordagem policial, o sujeito correu, deixando para trás uma mochila e uma arma de fogo.

Com apoio da equipe Bravo do GTOP-33, foi realizado buscas na localidade porém o indivíduo não foi localizado. Os policiais deslocaram até a 13ª Delegacia de Polícia e realizaram a apreensão das drogas e da arma de fogo.

(*) Fonte: Claudio Martins/Blog Informativo Flagrante

quinta-feira, 22 de dezembro de 2016

MORADIA


Pioneiros e seus descendentes vão furar fila na política habitacional do DF
 

(*) Ana Maria Campos


Foto: Google Images
Promulgada pela Câmara Legislativa, uma lei que entrou em vigor ontem mexe com os critérios da política habitacional do DF. A partir de agora, pioneiros e seus descendentes, que morem há mais de 30 anos no Distrito Federal, terão prioridade na fila da Codhab. Para isso, basta que o beneficiário não tenha outro imóvel em seu nome. A lei, de autoria do deputado Agaciel Maia (PR), não faz restrição de renda.

O governador Rodrigo Rollemberg (PSB) vetou o projeto, mas a Câmara Legislativa restabeleceu a iniciativa que cria um privilégio para quem chegou em Brasília até o início da década de 1970. Esse deve ser mais um caso de constitucionalidade a ser debatida pela Justiça.

(*) Fonte: Ana Maria Campos/CB.Poder

quarta-feira, 21 de dezembro de 2016

BOLETIM DE OCORRÊNCIA NA REGIÃO NORTE DO DF - SOBRADINHO


HOMEM É PRESO POR TRÁFICO DE DROGAS E POSSE DE MUNIÇÕES

(*) Fabiano Lopes

Um homem foi preso acusado de tráfico de drogas e posse irregular de munições, na tarde desta segunda-feira (20) em Sobradinho.

Policiais militares do Grupo Tático Operacional (Gtop 33) foram informados que um homem suspeito de efetuar disparos na QMS 09 estaria em uma drogaria na QMS 34. O Gtop 33 chegou ao endereço da denúncia e deteve o suspeito. Na abordagem foram localizados um simulacro de pistola, 15 porções de cocaína e R$ 367. Os policiais foram até a casa do homem onde encontraram munições calibre .40. A arma que supostamente o detido usou nos disparos em via pública não foi localizada.

(*) Fonte: Fabiano Lopes/PMDF

JÁ EM CIRCULAÇÃO AS EDIÇÕES Nº 312 & 313 DO JORNAL DE SOBRADINHO REFERENTES A PRIMEIRA E SEGUNDA QUINZENA DE DEZEMBRO DE 2016


CONFIRA TAMBÉM AS ÚLTIMAS 52 EDIÇÕES, TODAS ELAS JÁ DISTRIBUÍDAS NA CIDADE SERRANA E REGIÃO NORTE DO DF E PUBLICADAS AQUI, EM ORDEM DECRESCENTE DE DATA, NÚMERO E FORMATO ELETRÔNICO, NO CANTO ESQUERDO DO BLOG DIÁRIO.















 
EXTRAORDINARIAMENTE  ESTE MÊS DE DEZEMBRO DE 2016 ; SÃO 20 MIL EXEMPLARES  DISTRIBUIDOS GRATUITAMENTE.  ESSA É UMA CORTESIA DOS PATROCINADORES , APOIADORES E EDITOR DO JORNAL DE SOBRADINHO.

terça-feira, 20 de dezembro de 2016

EXCLUSIVO

Governo promete entregar a terceira pista do Torto-Colorado até o final de 2017

As obras beneficiarão moradores de Sobradinho, Planaltina, condomínios e todos da entrada Norte do DF

(*) Higor Sousa/JS

As obras são financiadas com recursos do BNDES, Terracap e GDF – Crédito de foto: Agência Brasília

Desafogar o trânsito e poder dirigir sem pegar aqueles enormes engarrafamentos na hora de pico é uma realidade que está próxima para os moradores de Sobradinho, Planaltina, condomínios e todos da entrada Norte do Distrito Federal. Isso porque até o final do ano que vem, a terceira pista da DF 003, que fica entre o Balão do Torto e o Colorado, será entregue.

Financiada com recursos do BNDES (Banco Nacional do Desenvolvimento), Terracap (Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal) e GDF (Governo do Distrito Federal), a obra foi iniciada no governo anterior. Segundo informou o diretor geral do DER (Departamento de Estrada de Rodagem), Henrique Luduvice, só houve interrupções por causa de falta de recursos. Porém, tudo já está normalizado. “Após intensas negociações com o BNDES, as obras foram reiniciadas este ano, entre maio e junho”, relatou o diretor.

De acordo com Luduvice, além da obra na DF 003, outra também já foi iniciada, a qual deve ser entregue em agosto de 2018. “As duas obras estão orçadas no valor de R$ 207 milhões. Na do Torto-Colorado serão seis faixas, três em cada sentido. Há também o TTN (Trevo de Triagem Norte). Ambas trarão grandes benefícios a estas regiões”.

 Conforme afirmou o diretor do DER, neste momento estão sendo finalizados os projetos de obras de artes especiais, como pontes e viadutos, que são de responsabilidade das construtoras contratadas. “A tendência, neste período de chuva, é colocar ênfase nas obras de concreto. Até porque nesta época é mais complexo executar obras de terraplanagem. As obras seguem o cronograma estabelecido conforme acordado com o BNDES”. Ainda segundo o DER, a criação dessas seis faixas vai eliminar o funcionamento da faixa reversa. “Nesta obra teremos 10 viadutos e pontes para acessar os condomínios sem interferências no trânsito da rodovia que dá acesso a várias BRs, como a 020”.

Nos trabalhos realizados no TTN serão inseridos 16 obras de artes especiais – Crédito da Imagem: DER-DF


Luduvice disse que os trabalhos executados no Trevo de Triagem Norte abrangem o final da Asa Norte, entrada do Lago Norte e Varjão, até a Ponte do Bragueto. “Então existirão 10 obras de artes especiais na terceira pista do Torto-Colorado e mais 16 obras de artes especiais no TTN”.

Na opinião da servidora pública Emília Ribeiro, de 37 anos, a conclusão das obras será muito importante para ela, que é uma das 200 mil pessoas que diariamente enfrenta engarrafamentos enormes nos horários mais movimentados. “Já era tempo de o governo se importar em terminar tudo isso. É muito dinheiro investido para resultados lentos. Mas o bom é que agora eles já estabeleceram datas”.

 
Além dela, o advogado Bruno Soares, de 34 anos, é um dos que não vê a hora de tudo ser entregue à população. “Na hora em que eu vou para o escritório, que fica na Asa Norte, não enfrento muito trânsito porque entro muito cedo. Mas como eu saio muito tarde, sempre pego aquele engarrafamento de tirar qualquer um do sério. Então acredito que quando tudo isso ficar pronto, o trânsito fluirá melhor”.

 
(*) Por Higor Sousa/JS - Exclusivo para Edição nº 313 do Jornal de Sobradinho referente a segunda quinzena de 2016.

ARTE,CULTURA & MEIO AMBIENTE


Ambientalista apresenta o Projeto Reciclagem Verde ao Jornal de Sobradinho

Ação já acontece há nove anos e revitalizou diversos lugares da região

 
(*) Higor Sousa/JS

Com boa vontade e um enorme desejo de ver a cidade mais limpa e arborizada, o ambientalista Ilton Correa, de 50 anos, mais conhecido como Jamaica, decidiu fazer a diferença. Há nove anos ele planta diversas mudas pela cidade em objetos recicláveis. Seu trabalho, conhecido como Projeto Reciclagem Verde, já faz sucesso em vários lugares da região e foi apresentado ao Jornal de Sobradinho.

Desde que começou a pedir mudas de diversas plantas para as pessoas, seu projeto foi beneficiado com Ipê, Jacarandá, Óleo de Copaíba, Jambo Roxo e Amarelo, abacate e outros. O trabalho de Correa consiste em juntar as mudas, separá-las e decidir onde serão plantadas. Além disso, diariamente recebe pneus os quais são transformados em obras de arte, como aconteceu em uma praça da Fercal, Canela da Ema, Escola Vila Rabelo e CED (Centro Educacional) 4, de Sobradinho II.

Para não proliferar o mosquito da dengue em época de chuva, todos os vasos que Jamaica produz têm furos e buracos, para que a água não fique acumulada. Nos que não dá para fazer isso, o ambientalista enche o pneu de areia. Segundo ele, o lixão é um dos principais locais em que há o maior número de larvas do mosquito. “A maioria dos pneus que a gente pega e recolhe, vem do lixão. Lá há uma grande concentração de mosquito da dengue. Eu trago esses pneus para minha casa, onde tenho uma oficina, e os transformo em vasos de planta. Faço pintura e os modifico completamente”, declarou Correa.

A vontade de fazer algo de diferente, principalmente que tivesse a ver com o ambiente, surgiu quando Ilton Correa viu cortarem diversos pés de Ipês. “Isso tem bastante tempo e foi na quadra 9. Fiquei desolado com tudo isso e decidi mudar essa história. Aí foi quando eu comecei a pensar em um projeto e criei este. Graças a Deus deu certo”.

Materiais como pneus, aros de ferro, carrinho de mão, mangueira, tampa de lata e tudo que serve de criadouro do mosquito da dengue é reaproveitado no Projeto Reciclagem Verde. “Nós usamos cinco grandes palavras em nossas obras, como amor, perdão, fé, humildade e caridade”, relatou Rodrigues.


E para que o Projeto Reciclagem Verde continue avançando, Correa conta com a ajuda do técnico ambiental Nelson Rodrigues, de 41 anos, que há quase dois anos faz parte do grupo. Conforme explicou Rodrigues, ele acredita que a ação ainda vai alcançar muitos lugares, pois com a teoria dele e com a prática de Jamaica, diversas pessoas tem contribuído para melhoria da região. “Graças a Deus tudo está dando certo. Decidi fazer parte do projeto quando eu vi uma reportagem do Ilton. Percebi que ele trabalhava sozinho e quis ajudá-lo. Nada melhor que contribuir para uma melhor imagem da nossa cidade”.


De acordo com Rodrigues, quando o trabalho de revitalização é realizado em algum espaço público, muitos benefícios são colocados em prática. “Por exemplo, as pessoas começam a cuidar mais daquele local. Marginais deixam de frequentar ali e as pessoas têm mais segurança e limpeza”, enfatiza o técnico ambiental.

 
Atualmente, tanto Ilton Correa quanto Nelson Rodrigues têm mostrado e dado palestras em escolas, creches e faculdades da cidade. “Queremos passar nosso conhecimento a outras pessoas para que elas também tenham amor pela natureza. Se não fizermos nada agora, amanhã pode ser tarde”.

 
Para a empresária Kamila de Oliveira, de 32 anos, a boa vontade do Projeto Reciclagem Verde não tem preço. “Não há nada que pague isso. É preciso que todos nós cuidemos da natureza. Podíamos, cada um, nos espelhar neles dois e fazer o que eles estão fazendo. Se cada um fizer a sua parte, viveremos numa cidade mais limpa e que ofereça uma boa qualidade de vida”.

 
Para aquelas pessoas que queiram fazer alguma doação ao Projeto Reciclagem Verde, podem entrar em contato com Ilton Correa, mais conhecido como Jamaica, pelo telefone (61) 98478-6847.
 

(*) Por Higor Sousa/JS - Exclusivo para Edição nº 313 do Jornal de Sobradinho referente a segunda quinzena de 2016.