Pesquise neste blog

quinta-feira, 6 de abril de 2017

ARTIGO

Os Sentinelas do Mundo

(*) Olavo da Silva Aguiar


Consideramos os jornalistas como os sentinelas do mundo. Pois tudo que acontece no mundo, ficamos sabendo em tempo recorde. Em tempos de crise, a comunicação mostra a que veio, e onde pode nos levar. Ao selecionar os fatos que se tornarão notícia, o jornalismo exerce um papel crucial na sociedade, determinando o que o público deve ou não saber.

Notícia Como Construção Social

Pois tudo que é publicado pode virar história. O jornal é um documento que amanhã virá a ser história, pois tudo que foi publicado poderá ter seu conteúdo recuperado em acervos no futuro. Ao contrário o que não é publicado por mais importante que seja dificilmente fará parte da história. A imprensa não apenas comunica os fatos, mas prepara e apresenta uma realidade. A imprensa livre é fundamental para o funcionamento da democracia. Hoje em dia estamos ligados 24 horas nas informações, sejam elas por redes sociais, televisão, ou até mesmo o antigo jornal impresso. Esse profissional é de extrema importância, pois é ele que todo dia está nos alertando do que está acontecendo ou até mesmo o que irá acontecer. Ajudam na elucidação de crimes, socorrem pessoas que se encontram em grandes dificuldades, no aspecto social e exercem papel fundamental, transmitindo cultura aos lugares mais distantes do País, tornam públicas as falcatruas dos políticos, (Anjos Maus) mostram para o mundo a realidade seja ela boa ou ruim, e do modo mais imparcial e neutro possível. Vivemos em um mundo onde quem pode mais é quem sabe mais. Deu para perceber o quanto o jornalista influência na vida cotidiana das pessoas e o quanto a sociedade atual está ligada nas informações e isso é bastante porque cada vez mais as pessoas estão norteando o interesse em saber do que acontece para assim tomar atitudes seja ela qual for, evoluindo do velho conceito onde as pessoas obedeciam aos líderes de poder, e pensava da maneira que era imposta. Agora vivemos em democracia, embora seja uma democracia do faz de conta, mas todos assim pensam. Portanto ser jornalista não é uma opção profissional, é uma opção de vida. Grandes formadores de opinião enfim, podemos dizer que são os sentinelas do mundo. E por tudo isso, nossa gratidão. “A classe política triunfa porque é uma minoria unida atuando contra a maioria dividida”. (Willian Durat)

O tempo passa a saudade fica e se junta ao amor que a tudo resiste embora eu seja apenas um ser eu tenho um coração preciso viver.


(*) Por Olavo da Silva Aguiar - (foto) é Poeta, escritor, compositor e colabora com O Jornal de Sobradinho. Material exclusivo para Edição nº 320 do JS referente à 1º QUINZENA de Abril de 2017.

Nenhum comentário: