Pesquise neste blog

segunda-feira, 25 de agosto de 2014

Jovens conselheiros empossados fortalecerão políticas para juventude




Durante a solenidade, no Palácio do Buriti, os representantes garantiram intensificar articulação com o governo para atender a demanda juvenil

As políticas públicas para a juventude do Distrito Federal serão intensificadas, com o fortalecimento da participação de 300 conselheiros titulares e 70 suplentes, empossados, nesta quinta-feira (21), para compor os Conselhos da Juventude de 16 cidades. Os conselheiros são responsáveis por garantir a articulação com o governo para atender as demandas do setor.

"Eu sei o que é ser invisível. Agora, com essa participação para representar as minhas crenças, me sinto orgulhosa. Vou poder lutar mais para buscar melhorias para os jovens da minha comunidade e das demais", destacou a primeira cigana do Brasil eleita em um Conselho de Juventude, Daiane da Rocha, de 21 anos.

Assim como Daiane Rocha, que representa a cadeira temática Povos e Comunidades Tradicionais de Sobradinho e mora em comunidade com 65 pessoas na cidade, outros jovens também acreditam nas mudanças que virão com o conselho, que se tornou lei em 2013.

"Nós, jovens, temos muito a contribuir. Temos potencial e energia para atuar em diversos setores e mudar o cenário esportivo, cultural e até econômico, com a nossa disposição para trabalhar e desenvolver os pontos positivos de cada cidade, como o turismo ecológico de Sobradinho", destacou Vanderson de Oliveira, 28 anos, eleito na mesma cidade que Daiane Rocha para a cadeira Trabalho e Emprego.

O próximo passo dos conselhos, que têm 14 cadeiras temáticas e duas livres, será se reunir para eleger a mesa diretora de cada cidade, que será composto por presidente e vice, além de um secretário executivo.

"Mais de 6 mil pessoas participaram das eleições para que os jovens sejam representados em todas as diversidades. São jovens católicos, ciganos, evangélicos, negros e outros segmentos que ganharam mais voz", enfatizou o secretário de Governo, Gustavo Ponce.

As eleições foram realizadas no Riacho Fundo I e II, Samambaia, Santa Maria, Recanto das Emas, Brazlândia, Sobradinho I e II, Fercal, Estrutural, Planaltina, São Sebastião, Ceilândia, Gama, Paranoá e Taguatinga.

As cadeiras temáticas são: Juventude Negra; Povos e Comunidades Tradicionais e Povos Indígenas; Direitos das Mulheres e Equidade entre os Gêneros; Orientação Sexual e Identidade de Gênero e Promoção dos Direitos das Populações de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (LGBT).

Além disso, tem outros temas são Cultura; Esporte e Lazer; Direitos Humanos, Minorias, Cidadania e Inclusão Social; Direito das Pessoas com Deficiência; Direito a Saúde; Direito a Educação e Movimentos Estudantis; Direito a Trabalho e Movimentos Sindicais; Juventude Rural; Participação Social das Juventudes (homem); Participação Social das Juventudes (mulher).


Fonte: Ailane Silva, da Agência Brasília/Foto: Mariana Raphael

Nenhum comentário: