Pesquise neste blog

Secretaria de Estado da Casa Civil - DF

sexta-feira, 30 de setembro de 2016

BOLETIM DE OCORRÊNCIA NA REGIÃO NORTE DO DF - PLANALTINA


PM reforça policiamento em Planaltina nos horários e locais de maior incidência de crimes

(*) Fernanda Sena e João Roberto

Ação da Polícia foi desenhada a partir de reunião com representantes dos moradores

A Polícia Militar reforçou o combate à criminalidade no centro Planaltina. A ação integrada reuniu, além da PM, os bombeiros, administração regional e outros órgãos do Governo de Brasília. Batizada de “Retomada”, a operação coloca em prática o Plano de Segurança Integrado que foi implementado pela Secretaria de Segurança Pública e da Paz Social nas oito cidades que concentram 65% dos casos de criminalidade. O foco da ação da polícia em Planaltina foi estabelecido em reunião com a comunidade, representada pelo Conselho Comunitário de Segurança,  o Conseg, comandantes das forças de segurança e representantes da administração regional. Inclusive o horário da operação (15h a 23h) foi estabelecido a partir do que se discutiu na reunião.

Um dos principais alvos da polícia em Planaltina é o roubo a pedestre. “Intensificamos as ações de visibilidade nos locais e horários onde mais acontecem este tipo de crime, principalmente com o policiamento a pé, mais próximo da comunidade. Estamos cumprindo as tratativas do Plano Integrado”, explicou o major Genilson Duarte, subcomandante do 14º batalhão da PM, responsável pela operação.

A previsão é a de que os resultados parciais do Plano de Segurança Integrado sejam apresentados no dia 18 de novembro. A operação Retomada, em Planaltina, será por tempo indeterminado e pode se ajustar de acordo com as estatísticas elaboradas mensalmente pela Secretaria de Segurança, que mapeiam crimes, horários, locais e perfis das vítimas, entre outros aspectos. “Hoje o nosso objetivo é o roubo a pedestre, mas a operação previne também os roubos a comércio e a transporte coletivo”, ressaltou o major.

Como parte da estratégia do Plano, a PM ajustou os pontos de bloqueio de trânsito para áreas vulneráveis, como nas proximidades das escolas e dos postos de saúde. O Corpo de Bombeiros também instalou postos de prevenção nestas áreas. A simples presença dos agentes de segurança inibe os crimes e reforça a sensação de segurança da comunidade. As áreas de Buritis I, II, III e IV, Jardim Roriz e Estância receberam o reforço de grupos especializados da PM, como Rotam, BPCães e Bope.

Resultados da “Retomada”

Da operação desta quarta-feira (28) participaram 70 policiais militares do batalhão de Planaltina. Dois ônibus, 11 motos e 32 veículos foram revistados. Os policiais abordaram 162 pedestres para revista pessoal. As ações foram feitas em dez pontos estratégicos na cidade. Em quatro foram montados pontos de bloqueio. Seis escolas receberam reforço no policiamento. Unidades especializadas da Polícia Militar também participaram da operação.

Oito bombeiros do 9º Grupamento de Bombeiros Militar da região prestam apoio à população com uma Unidade de Auto Resgate, posicionada no estacionamento próximo à Administração Regional e ao comércio local. Já a outra unidade de resgate está instalada na Avenida Independência, entre as paradas de ônibus que dão acesso às Vilas Jardim Roriz e de Fátima (locais propícios à atuação de criminosos) e atende, quando necessário, aos usuários das pistas de caminhada de manhã e à noite, de acordo com as áreas mapeadas pela SSP.

(*) Fonte:  Fernanda Sena e João Roberto/ Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Paz Social do DF

Nenhum comentário: