Pesquise neste blog

Carregando...

terça-feira, 26 de julho de 2016

Campanha "Energia Elétrica não é Brincadeira" visita escola pública em Sobradinho II

 



A CEB Distribuição esteve no Centro de Ensino Fundamental 07, de Sobradinho II, para levar a campanha “Energia Elétrica não é Brincadeira”. Sessenta alunos da escola assistiram, no dia 06/07, à palestra educativa sobre segurança na rede elétrica. O objetivo é incluir o público jovem no processo de socialização de informações de segurança com energia elétrica, tornando-os reeditores da campanha em suas comunidades.

“A visita dos técnicos chamou a atenção das crianças, quebrando um pouco a rotina dos alunos e passando informações relevantes de forma diferente, atrativa. A palestra foi muito importante para eles e para a escola”, afirma a Diretora da escola, Eline Reis Bastos.

A CEB-D está realizando a campanha durante todo o mês de julho para orientar os moradores do Distrito Federal sobre os cuidados para evitar acidentes, principalmente com as redes de distribuição. Entre os alertas da campanha, estão os perigos de fazer gambiarras, montar andaimes e antenas próximas à rede elétrica, jogar e tentar retirar objetos na rede, utilizar postes como suporte para adereços, entre outros. Apesar de o trabalho da CEB-D ser relacionado somente às redes de energia elétrica nas ruas, a campanha também chama a atenção para algumas situações dentro do ambiente doméstico em que a interação com a eletricidade pode ser perigosa para o consumidor.

Quatrocentos mil folders foram produzidos para o público jovem e estão disponíveis nas Agências da CEB-D e postos de atendimento da CEB nos Na Hora. Mais de 170 mil já foram distribuídos, prioritariamente, para alunos do 5º ao 9º das escolas pública do DF.

Outro material da campanha são quatro vídeos, interpretados pela companhia brasiliense de teatro G7, que podem ser assistidos e compartilhados por pessoas de todas as idades. O G7 traz situações cotidianas que podem levar a acidentes graves e até fatais. No entanto, os temas são tratados de forma descontraída e sempre com uma lição importante. Com cerca de um minuto cada, a produção está disponível no site e nas páginas da empresa nas redes sociais.

Entre os anos de 2009 e 2016, a CEB Distribuição S.A (CEB-DIS) registrou 58 acidentes de pessoas com a rede elétrica no Distrito Federal que resultaram em 34 vítimas fatais. Em 2016, ocorreram dois acidentes, um fatal.

EDITORIAL


 Concurso público para político já!

 

(*) Júnior Nobre

 

Dá nojo abrir jornais, sites e redes sociais diariamente e ver tanta corrupção. Realmente hoje tenho a certeza de que nosso modelo político atual vigente no Brasil faliu de vez! Veja que diante de trinta e tantos partidos um ou dois configura alguma plataforma política, talvez aqueles mais radicais tipo da causa operária ou comunistas e tal, enfim, não vou entrar diretamente nessa seara, mas vamos olhar para outros países com democracia onde só tem 2 dois partidos políticos o da direita e o da esquerda e assim se revezam no poder. Acredito que nosso problema vem de berço, onde muitos pais ainda ensinam seus filhos a burlar o que é certo, obtenção de vantagens indevidas, levar a melhor sobre seu oponente sem esforço, competição extrema e etc e tal e a sociedade boa parte dela já contaminada impõe as regras desse “jogo”. Quando observo na mídia o termômetro da corrupção tenho a certeza de que o processo político já era e a formação de caráter do ser humano mais ainda.

Sugestão 

Particularmente sou a favor do concurso público inclusive pra político. A sazonalidade válida apenas para 4 ou 5 anos seria o bom tom para novos quadros na política brasileira. O Ingresso através do concurso público seria uma forma de acabar primeiramente com esse “caixa partidário, caixa 2, com apadrinhamentos, promessas de empregos e com o analfabetismo funcional”, objetivando apenas o gestor aprovado, não estar mais refém de venda de facilidades para qualquer “político, empresário ou profissional liberal“ corrupto.  A fiscalização teria que ser técnica e mais ainda, se quiser se reeleger haveria de passar por novo concurso. A avaliação do candidato aprovado nas primeiras provas seguiria para um segundo momento de sabatina pública através dos debates televisivos no qual a população brasileira é que votaria através de todo e qualquer meio tecnológico pela consolidação do postulante ao cargo.
 
Hora de repensar nosso futuro político!
 
(*) Júnior Nobre – Jornalista Profissional MT 1518, Gestor Comercial da Editora Sobradinho Notícias LTDA e Diretor do Jornal de Sobradinho há 26 anos.

segunda-feira, 25 de julho de 2016

Liberada a primeira vacina que protege da dengue no Brasil

Com preço definido, vacina contra a dengue poderá ser vendida no Brasil

 

Governo Federal determinou preço de R$ 132,76 até R$ 138,53.
Não há previsão de distribuição nacional pelo SUS, segundo ministério. 

(*) Carolina Dantas e Mariana Lenharo do G1, em São Paulo
A Dengvaxia, primeira vacina contra a dengue disponível no Brasil, vai custar de R$ 132,76 a R$ 138,53, de acordo com alíquota de cada estado, segundo anunciou a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), nesta segunda-feira (25).
Área de cultura de vírus para produção de vacina contra dengue da Sanofi Pasteur (Foto: Sanofi Pasteur/Norbert Domy)
A partir de agora, ela poderá ser comprada por hospitais e clínicas particulares. O consumidor, no entanto, deverá desembolsar um valor adicional, que varia em cada estabelecimento, pela aplicação do produto, como explica a agência.
De acordo com o Ministério da Saúde, ainda não há uma previsão de compra para o Sistema Único de Saúde. Serão feitos estudos de custo para a distribuição nacional e, caso seja viável, a vacina poderá ser distribuída de graça aos pacientes. O estado do Paraná, no entanto, já anunciou que deverá comprar 500 mil doses da vacina.
A Dengvaxia é produzida pelo laboratório francês Sanofi Pasteur e é uma imunização recombinante tetravalente, para os quatro sorotipos existentes da doença. Ela poderá ser aplicada em pacientes de 9 anos a 45 anos, que deverão tomar três doses subcutâneas com intervalo de seis meses entre elas.

Roubos a residências crescem 50%; especialista dá dicas de segurança


 
 
Brasília é repleta de condomínios. Águas Claras, Sudoeste, Sobradinho, Cruzeiro, asas Sul e Norte, Vicente Pires, Park Sul e Lucio Costa, por exemplo, são praticamente completos de prédios fechados ou condomínios horizontais. Com o desenvolvimento de Brasília, é cada vez mais comum esse crescimento. Um fator negativo, porém, é que infelizmente as residências viraram alvo de bandidos e os roubos em casas cresceram assustadoramente nos últimos anos.
 
Dados da Secretaria de Segurança Pública do DF mostram no acumulado de janeiro a junho de 2016 foram registrados 468 roubos a residências em todo o Distrito Federal. Com isso, a média é de 78 roubos por mês e 2,6 casos por dia.
 
No mesmo período do ano passado foram 311 em seis meses. Assim, de um ano para outro o crescimento foi de 50,5%. Se avaliar apenas o mês de junho, em 2014 foram 47 casos, em 2015 52 e em 2016, 57.
 
O advogado especialista em administração condominial Aldo Júnior, conhecido como Dr. Condomínio, entende que os condomínios fechados estão empenhados em diminuir os índices, mas reconhece que precisa melhorar. “Nós gerentes de administração e condomínios precisamos ficar atentos a qualquer tipo de ação fora do normal, principalmente em períodos em que os moradores não estão em casa, que são quando acontecem furtos e roubos”, diz.
 
Ele declara que é importante estar atento a todas as situações. “Um visitante diferente, algum carro que entrou com os vidros fechados sem saber que está dentro, por exemplo, são itens que devemos observar – sempre. Todo cuidado é pouco”, explica o especialista.
 
E o problema se agrava e se estende para outras capitais. No Rio de Janeiro foram 533 roubos a residência em cinco meses. Uma média de 106 crimes por mês e 3,5 por dia. Janeiro foi o mês com mais casos, com 123 registros.
 
A Secretaria de Segurança de São Paulo não divulga os casos de roubos a residência no estado.
 
(*)

Prezz Comunicação

Terracap licita 157 imóveis no DF em julho

 
 
Licitação ocorre na próxima quinta-feira, 28. As ofertas contemplam 15 Regiões Administrativas do DF
 
No dia 28 de julho, a Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap) realiza a quinta licitação de imóveis do ano. O evento ocorre na sede da empresa, a partir das 9h.   São terrenos comerciais, residenciais e também voltados para a indústria. 
 
Os imóveis estão distribuídos por Águas Claras, Brasília (SOF Norte  Asa Norte, Lago Sul e Lago Norte), Ceilândia, Gama, Guará,  Taquari, Paranoá, Recanto das Emas, Riacho Fundo I e II, Samambaia, Jardim Botânico, São Sebastião, Sobradinho e Taguatinga. O edital está disponível pelo site da Terracap, na sede da empresa, e nas agências do Banco de Brasília. A caução pode ser feita até dia 27 de julho.
 
Dentre os destaques estão 50 lotes residenciais na QE 54 do Guará. No edital passado, dos 35 imóveis ofertados, foram vendidos 32. O interesse se justifica pela boa localização dos lotes e por ser uma das últimas áreas residenciais do bairro. Três lotes residenciais no Centro de Atividades do Lago Norte e outros três no Taquari também chamam a atenção, assim como os seis imóveis localizados no Jardim Botânico. 
 
Quanto aos imóveis comerciais, os destaques estão em Águas Claras, Lago Sul, Paranoá, Sobradinho e também no Guará.
 
Os 157 itens em oferta no edital podem ser adquiridos à vista ou financiados de 180 a 240 meses, a partir de uma entrada de 5% do preço de aquisição.
 
 
Fonte: William Martins

BOLETIM DE OCORRÊNCIA DA REGIÃO NORTE DO DF - SOBRADINHO


TRAFICANTE É PRESO EM FLAGRANTE COM DROGAS EM SOBRADINHO
 

Por Wallace Ximenes/PMDF

 

Um homem foi preso por tráfico de drogas, por volta das 22h deste domingo (24), na quadra 15, conjunto A próximo ao campo de futebol, em Sobradinho.

Policiais do Grupo Tático Operacional 13º Batalhão faziam patrulhamento próximo à quadra de esporte quando visualizaram um homem saindo de dentro de uma guarita da administração.

Ao avistar a guarnição, o homem arremessou uma mochila para dentro de uma construção. Feita a busca pessoal, nada de ilícito foi encontrado, porém, dentro da mochila, os policiais encontraram os documentos do abordado, um celular, uma balança de precisão, alguns papelotes de substância aparentemente maconha, 256 reais em cédulas de pequeno valor.

O abordado confirmou que residia naquele local e que fazia a venda de drogas.

Diante dos fatos, o detido juntamente com os objetos foi conduzido à 13ª DP.

sábado, 23 de julho de 2016

Implosão de rocha causa novo bloqueio de trânsito no Torto-Colorado


Para a ação neste domingo (24), serão usadas 3,3 toneladas de explosivos — o triplo da primeira vez

(*) Jade Abreu

Neste domingo (24), o trânsito na saída norte de Brasília terá alterações pela segunda vez por causa da implosão de uma rocha na margem da via. Como ocorreu no domingo (17), a partir das 14h30, o trecho de 5,2 quilômetros entre o balão do Torto e o do Colorado ficará interditado até o fim da operação, prevista para durar uma hora.

Trabalhos de remoção de rocha na margem da via que liga o Torto ao Colorado continuam no domingo (24).


A detonação da rocha é necessária para as obras da Ligação Torto-Colorado e do Trevo de Triagem Norte, que devem desafogar o trânsito na região norte da capital, onde mais de 100 mil motoristas transitam diariamente.

Para chegar a Planaltina, a Sobradinho ou aos condomínios nas regiões, o motorista deverá contornar pelo Varjão, pelo Lago Norte e pelo Paranoá, sentido balão do Colorado. Essa é a principal rota alternativa.

Outros caminhos são possíveis, a depender da região administrativa de origem do condutor. Aquele que estiver em São Sebastião ou no Jardim Botânico, por exemplo, poderá passar pela barragem do Lago Paranoá, seguindo pelo Itapoã com sentido ao balão do Colorado.

A recomendação para quem estiver saindo de Brazlândia é pegar a DF-430 até a DF-001, que dá acesso ao balão. O trajeto inverso poderá ser feito pelos motoristas que saírem de Sobradinho ou de Planaltina.

Para implodir a rocha, serão usadas 3,3 toneladas de explosivos. O número é quase o triplo do que foi empregado na detonação de domingo (17), quando foi necessária 1,2 tonelada. De acordo com o diretor-geral do Departamento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal (DER-DF), Henrique Luduvice, a primeira ação atingiu um terço da camada superficial da rocha — o objetivo é alcançar dois terços amanhã. “A implosão será maior, por isso precisamos reforçar os explosivos.”

O diretor afirma que o trabalho é controlado, pois são feitos estudos para reduzir o impacto sonoro e de resíduos. Para isso, coloca-se argila em cima da parte que será implodida. A rocha tem 100 metros de comprimento, 70 metros de largura e 8 metros de profundidade.
Obras do Trevo de Triagem Norte e da Ligação Torto-Colorado

São dez obras no Trevo de Triagem Norte, entre pontes, viadutos e túneis, feitas para distribuir o fluxo de veículos com destino ao Plano Piloto, levando ao Eixo Rodoviário Norte-Sul, à W3, aos Eixinhos Leste e Oeste e à L2. Somadas às passagens previstas na Ligação Torto-Colorado — construção de uma pista marginal à DF-003 e novos acessos aos condomínios —, serão 23 intervenções.

No total, as melhorias vão custar R$ 207 milhões — R$ 146 milhões do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), com R$ 51 milhões de contrapartida do governo de Brasília e R$ 10 milhões da Agência de Desenvolvimento do DF (Terracap).

A primeira parcela do financiamento do banco federal, de R$ 10 milhões, foi liberada em junho. Os repasses serão trimestrais, até o fim das obras — a do Trevo de Triagem Norte deve estar concluída em 24 meses e a da Ligação Torto-Colorado, em 17 meses.

Fonte:  JADE ABREU, edição:  MARINA MERCANTE, foto: Dênio Simões/Agência Brasília 

sexta-feira, 22 de julho de 2016

BOLETIM DE OCORRÊNCIA DA REGIÃO NORTE DO DF - SOBRADINHO I

BAVOP RECUPERA MAIS UM CARRO ROUBADO EM SOBRADINHO

 
(*) Wallace Ximenes/PMDF
 
Durante patrulhamento aéreo em Sobradinho, próximo ao Residencial Nova Colina, na tarde desta quinta-feira (21), a tripulação do Fênix 02 avistou nas margens de uma via não pavimentada, próxima à Rota do Cavalo, um VW/Santana abandonado. Ao consultar a placa foi constatado que o veículo era produto de roubo. Diante dos fatos foi chamada a equipe do Gtop 33 Charlie que conduziu o veículo até a Delegacia da região.

Sobradinhense prestigia lançamento de novo espaço para atrações musicais em Brasília

 


A fotógrafa sobradinhense Elba Lacerda, que ficou em segundo lugar no Miss Sobradinho e conquistou a faixa de Miss Jardim Botânico, esteve na última quinta-feira(21), no Capella Lounge Bar para o coquetel de inauguração do novo espaço para shows que fica no Pistão Sul de Taguatinga em frente ao Carrefour. O evento era para imprensa e convidados. Na ocasião, a jovem conheceu a cantora MC Jenny e esbanjou charme e beleza pelo ambiente.

Sobre o Capella Lounge Bar

Com um espaço definido pela integração entre som e iluminação, o conceito da casa é o de não possuir um estilo musical definido, onde todos os sons são iguais, mas vistos por olhos diferentes. O Capella Lounge tem como objetivo promover entretenimento, diversão, shows nacionais e locais. A casa de shows vai trabalhar com um estilo musical variado que vai do sertanejo a música eletrônica, funk ao forró para animar as sextas e sábados.
Sua capacidade é de 2.200 pessoas, oferecendo aos clientes um espaço amplo com lounges, camarotes, bares planejados para um atendimento com qualidade e rapidez, ambiente climatizado, chapelaria, área externa para fumantes, acessibilidade, banheiro feminino com cabelereiro e maquiador.
Fotos: Ricardo Faria

quinta-feira, 21 de julho de 2016

BOLETIM DE OCORRÊNCIA DA REGIÃO NORTE DO DF - SOBRADINHO


HOMEM DE 29 ANOS É VÍTIMA DE TENTATIVA DE LATROCÍNIO NA BR 020, EM SOBRADINHO.
 

(*) Claudio Martins

 

Por volta das 19h30 de quinta-feira, 21/07, Wender Martins da Costa, 29 anos, foi vítima de tentativa de latrocínio na BR-020, nas proximidades do Atacadão Dia a Dia, no momento que realizava transporte alternativo na BR-020, em Sobradinho. Ele foi atingido por um disparo de arma de fogo, na cabeça e não corre risco de morte.

 
A vítima, que realizava transporte alternativo pegou os autores do crime em uma parada de ônibus do Grande Colorado, seguiu para a BR 020, sentido Planaltina e quando chegou às proximidades do Atacadão Dia a dia, foi anunciado o assalto. O indivíduo que estava no banco de trás do veículo, bastante nervoso, efetuou um disparo de arma de fogo que atingiu a nuca de Wender.

 
Os indivíduos fugiram com o veículo da vítima, VW Gol G4, de cor preta e placa JKA 1644, em direção à Nova Colina e a vítima ficou caída ao chão, em frente ao Atacadão Dia a Dia. O Corpo de Bombeiros foi acionado para o local e socorreu a vítima com vida ao Hospital Regional de Sobradinho.

 
A vítima foi atendida no HRS e será transferida ainda hoje para o Hospital de Base de Brasília. Segundo informações do médico responsável pelo atendimento, a vítima não corre risco de morte. Policiais militares de Sobradinho, Planaltina e Paranoá estão à procura dos suspeitos e até o momento ninguém foi preso pelo crime.
 

(*) Claudio Martins/ Blog Informativo Flagrante

EDUCAÇÃO: CEM 01, mais conhecido como Ginásio, se torna centro das atenções em 2016


O Ginásio conta com 170 profissionais da educação trabalhando na instituição

Juntando os turnos matutino, vespertino e noturno, a instituição possui 2.400 alunos
 
 
 (*) Higor Sousa/JS
 

Com meio século de idade, o CEM 01 (Centro de Ensino Médio 01) de Sobradinho, mais conhecido como Ginásio, esteve no holofote da mídia nesses últimos meses. Um dos motivos é que a instituição foi a campeã das escolas públicas do Distrito Federal em aprovar alunos para o PAS (Programa de Avaliação Seriada) da UnB (Universidade de Brasília). Outra razão foi o fato de a direção ter sido afastada por 30 dias sob suspeita de possíveis irregularidades.

 

A instituição, que completou 50 anos em janeiro, foi uma das referências de escolas públicas em todo o Distrito Federal por ter aprovado tantos alunos para o PAS. De acordo com o diretor do CEM 01, Ari Luiz Alves Pae, esse foi o maior presente que o Ginásio poderia ter recebido. “Foi uma emoção muito grande quando ficamos sabendo. Nós conseguimos aprovar 64 estudantes em primeira chamada e mais cinco na segunda chamada. No total foram 69 aprovados”. Para conseguir esse feito, o Centro de Ensino Médio 01 conta com 170 profissionais da educação trabalhando na instituição, entre eles servidores e terceirizados. “Juntando todos os três turnos, nós temos 2.400 alunos”, explicou o diretor.

 

Sobradinho conta com 46 escolas, sendo seis de Ensino Médio. O Ginásio é a segunda instituição de ensino mais antiga da cidade. Segundo a Regional de Ensino de Sobradinho, o CEM 01 (Centro de Ensino Médio 01) foi criado pelo Decreto número 481 do dia 14 de janeiro de 1966 e autorizado pela Portaria “E” número 11/66 da Secretaria de Educação com a denominação de “Ginásio Provisório de Sobradinho”. Pelo Decreto número 698 de 24 de janeiro de 1968, passou a ser conhecido como “Ginásio de Sobradinho”. “Teve sua denominação transformada para Centro Educacional 01 de Sobradinho pelo Decreto número 3547 de 03 de julho de 1977 e no decorrer do ano de 2000 passou a se chamar Centro de Ensino Médio 01 de Sobradinho, muito embora a comunidade ainda reconhece como Ginásio”, informou em nota o assessor jurídico da Regional de Ensino da região, Alexandre Galdino.

 

Conforme relatou o diretor do CEM 01, Ari Luiz Alves Pae, que também é professor de Português e está na instituição desde 1997, antes de se tornar Centro de Ensino Médio, a escola era Centro Educacional. “Antes, eram dois níveis, Fundamental e Médio. A escola já está há 16 anos sendo somente Ensino Médio. Grandes referências já passaram por aqui, como por exemplo, Dr. Michel (ex-deputado distrital) que agora é conselheiro do TCDF (Tribunal de Contas do Distrito Federal) e Paulo Tadeu”.

 
 Antes de se tornar Ensino Médio, o Ginásio era Centro Educacional e atuava nos dois níveis, Fundamental e Médio.

 
“Dedicação e muito estudo” foram alguns requisitos que ajudaram a estudante Ana Izadora de Oliveira, de 18 anos, a conquistar uma vaga no curso de engenharia civil da UnB (Universidade de Brasília) através do PAS. “Fui aluna no Ginásio e tive ótimos professores. Iniciei meu curso já no primeiro semestre deste ano e estou muito feliz. Acredito que o meu esforço, juntamente com a dedicação dos professores, foi o que me garantiu essa aprovação”, declarou a estudante.

 

A notícia de ter aprovado tantos alunos no PAS era o que faltava para a bancária Fernanda Fernandes, de 45 anos, decidir matricular sua filha de 14 anos, Luana Almeida, no próximo ano no Centro de Ensino Médio 01. “Eu ainda estava em dúvida sobre em qual escola colocar minha filha. Assim que iniciar o processo de matrículas, vou enfrentar a fila para garantir a vaga. Acredito que assim como muitos conseguiram, minha filha também conseguirá tirar ótimas notas no PAS”, declarou a bancária.

 

Na visão da estudante Lorrane Ângelo, de 16 anos, que cursa o 1º ano do Ensino Médio no Ginásio, a instituição tem professores gabaritados que conseguem transmitir aos alunos os assuntos mais cobrados no Programa de Avaliação Seriada. “Eu quis estudar aqui porque meus amigos falavam muito bem da escola e dos professores. Pretendo cursar nutrição e acredito que com o empenho dos professores e com o meu aprendizado, conseguirei ótimas notas no PAS”.

 

Saiba o que é o PAS

 

O PAS (Programa de Avaliação Seriada) é a modalidade de acesso ao Ensino Superior que surgiu por iniciativa da UnB (Universidade de Brasília), abrindo para o estudante do Ensino Médio as portas da Universidade de forma gradual e progressiva. A dinâmica do PAS comporta três avaliações, realizadas ao término de cada série do Ensino Médio, as quais constituem os Subprogramas (triênios) do PAS. Cada avaliação determina uma etapa do respectivo Subprograma, em que a nota final configura-se na soma das notas das três etapas.

 

Para participar do PAS, o candidato deve estar regularmente matriculado na 1.ª série do Ensino Médio, em escola pública ou particular, cuja modalidade de ensino seja regular, de três anos completos, ou na 2.ª série, em escola com estrutura curricular de quatro anos completos para se inscrever na 1ª Etapa de um Subprograma do PAS. Caso o candidato já esteja na 2.ª série do curso regular, no primeiro caso, ou na 3.ª série, no segundo, e ainda não esteja inscrito no PAS, mesmo assim poderá inscrever-se na segunda etapa. Nesse caso, à primeira etapa do Subprograma será atribuída a nota zero.

Para efetuar a inscrição, é imprescindível o número do CPF do aluno. Os matriculados na Rede Pública do Distrito Federal estão dispensados do pagamento da taxa de inscrição e os da rede particular bolsistas podem solicitar o pedido de isenção.

 

Sobre o número de vagas, o site da Universidade de Brasília informa que no primeiro semestre de cada ano letivo, 50% das vagas oferecidas para cada curso de graduação da UnB destinam-se aos candidatos aprovados pelo PAS realizado no semestre anterior.

É importante frisar que o participante do PAS não está impedido de concorrer também pelo vestibular tradicional.

 

Processo

 

No meio do ano de 2016, a direção do CEM 01 (Centro de Ensino Médio 01) de Sobradinho foi suspensa por 30 dias, acusada de possíveis irregularidades. No dia 6 de junho, o diretor da instituição, Ari Luiz Alves Pae, e a vice-diretora, Fabianny Wilmaria Almeida Sousa, viram seus nomes no DODF (Diário Oficial do Distrito Federal) com a suspensão. Em nota, a SEDF (Secretaria de Educação do Distrito Federal) informou que o afastamento de ambos foi um ato legal, decorrente da apuração de um PAD (Processo Administrativo Disciplinar), no qual foram garantidos a ampla defesa e o contraditório. “Para as funções, foram nomeados servidores efetivos da pasta em portaria publicada em 16 de junho”. Entre as acusações, estão a privatização de área pública, PPP (Projeto Político-Pedagógico) em desacordo com a LDB (Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional) e desobediência.

 

Para esclarecer tudo isso, o Jornal de Sobradinho ouviu o assessor jurídico da Regional de Ensino da cidade, Alexandre Galdino, e o diretor do CEM 01 de Sobradinho, Ari Luiz Alves Pae. Segundo o assessor jurídico, ele, juntamente com o coordenador da Regional, Marco Aurélio, assumiram o cargo em janeiro de 2015. “Fizemos uma reunião com as direções das escolas e constatamos irregularidades no CEM 01. Vimos que o Ginásio era campeão em ouvidoria, sendo a maioria por arbitrariedade da direção e descumprimento do regimento escolar”. De acordo com Galdino, a direção do CEM 01 tem um sistema de avaliação chamado Ponto a Ponto, que está em desacordo com a legislação. “O aluno recebe dois pontos de uma forma geral. Então toda e qualquer matéria vai valer oito pontos. Esses dois pontos é um conjunto de atribuições que o aluno tem de seguir. É nesse conjunto de atribuições que está o erro. Não se pode deixar que os professores avaliem os alunos com menos pontos, ou seja, oito. Outra coisa, você não pode tirar ponto do aluno por causa de falta e eles estavam fazendo isso. Antes de tomarmos providência, nós chamamos a direção para uma conversa”, enfatizou o assessor jurídico.

 

Sobre o Ponto a Ponto, Ari Luiz Alves Pae esclarece que esse programa não foi feito por ele e não foi criado em sua gestão. “O Ponto a Ponto existe desde 2003 e foi elaborado pelos professores do Ginásio. Desde aquela época, ele (projeto) foi andando até atingir a escola inteira. Mas começou no noturno. A Regional quer eliminá-lo, mas não tem um novo projeto para propor. Sou o diretor da escola há um tempo, quando fui eleito e reeleito pela gestão democrática”. O diretor também explicou sobre o nome do programa. “O nome Ponto a Ponto é porque ele é feito por várias mãos. Não é Ponto a Ponto por causa de nota não. Antes de 2012 o Ponto a Ponto estava nos três turnos do Ginásio, sendo colocado em prática pelo conselho de classe”. Em relação aos dois pontos que o aluno já inicia o ano, o diretor esclareceu que para o estudante mantê-los, ele precisa cumprir três quesitos. “Assiduidade, tarefas e disciplina”.

 

Conforme informou o assessor jurídico da Regional, Alexandre Galdinno, de forma “arbitrária e sem avisar”, o diretor do CEM 01 cortou o fornecimento de água para a biblioteca e para o CEI (Centro de Ensino Infantil 04), ambos situados dentro da área especial 04. “A biblioteca ficou 52 dias sem água. O argumento foi que ele estava arrumando uma caixa d’água. Mas nós temos duas caixas d’água. Com muita insistência, ele deixou a diretora do CEI 04 ligar a água por uma hora com uma mangueira”. Em sua defesa, o diretor do Ginásio alega que houve sim uma suspensão na água, mas foi em época de férias, para poder reformar o reservatório de água. “Nós comunicamos a eles (biblioteca e CEI 04) que iríamos interditar para fazer restauração no reservatório e isso aconteceu durante férias escolares. Mas a Regional veio com essa história de que eu deixei as pessoas sem água”.

 
Regional de Ensino questiona a direção do Ginásio sobre o alambrado que impede, segundo a Regional, estudantes de entrarem na biblioteca pelo estacionamento que fica ao lado da entrada CEM 01

 

Outro ponto questionado pela Regional de Ensino é sobre um alambrado que foi colocado em frente à biblioteca, o que impede os estudantes de entrarem no local de estudo pelo estacionamento que fica ao lado da entrada do Ginásio. “O argumento dele é segurança. Tudo isso foi feito sem autorização de ninguém, pois nem o setor de Engenharia e nem nós, da Regional de Ensino, fomos consultados. Toda e qualquer obra dentro de uma escola precisa de um parecer da Engenharia”, completou Galdino. Segundo o diretor da escola, a entrada da biblioteca não é a que a Regional de Ensino informa, e sim, a de trás. “Estão dizendo no processo que eu fechei a entrada principal da biblioteca. E aquela não é a entrada principal porque aquilo dali é simplesmente usado pelos funcionários da biblioteca para irem ao banco tirar extrato. Quando eu ampliei o alambrado, foi para proteger os professores e os alunos, que ficam nas quadras tendo aula, das pessoas que ficavam usando drogas ali perto”, defendeu Pae.

 
(*) Por Higor Sousa/JS ( texto e fotos) - Exclusivo para o Jornal de Sobradinho Edição 303 de Julho - Referente a Segunda Quinzena de 2016

OAB/DF - SUBSEÇÃO DE SOBRADINHO AGORA TEM CONSULTÓRIO ODONTOLÓGICO COM PREÇOS ACESSÍVEIS





 
A partir de agora, os advogados militantes em Sobradinho e região contam com um consultório odontológico dentro da sede da Subseção. A inauguração do espaço ocorreu na noite da última quarta-feira (20). Em um ambiente decorado e agradável, com equipamentos novos e modernos, a dentista Shirlene Rosa atenderá advogados de todas as regiões administrativas do Distrito Federal. A inauguração é uma realização da Subseção em parceria com OAB/DF e a Caixa de Assistência dos Advogados (CAA/DF).


O presidente da Seccional, Juliano Costa Couto, agradeceu o empenho da atual gestão da Subseção e afirmou que a Ordem está aberta para o acolhimento de projetos que visem o bem estar e a saúde de advogadas e advogados. “Afirmo com convicção que todas as subseções encontrarão apoio na nossa gestão para os projetos que vierem. Nós temos abraçado as ideias que nos são lançadas, mas sempre respeitando a autonomia, as individualidades e as características da localidade de cada uma das subseções”.
 

A Subseção de Sobradinho é a primeira do Distrito Federal a instalar um consultório odontológico em sua sede. Para o presidente da Subseção, Márcio Oliveira, a ideia é dar clinica odonto Sobradinho 20-07-2016 005aos advogados maior agilidade, comodidade e preços diferenciados. Ele ressaltou ainda que o consultório estará aberto para receber advogados de todas as áreas do DF. “Vamos atender todos os colegas, a casa está de portas abertas. Com esse apoio da Caixa de Assistência e da Seccional quem ganha somos todos nós, advogados, seja do Gama, de Sobradinho, de Samambaia ou do Bandeirante”, frisou.
 

A dentista Shirlene fará atendimento de clínica geral na Subseção de segunda a sexta-feira, no período da manhã e da tarde, podendo também atender aos sábados pela manhã. Os preços serão baseados na tabela da Associação Brasileira de Odontologia. Sobre a tabela, a dentista ainda concederá descontos de até 35% do valor. De acordo com Shirlene, o objetivo é trabalhar em parceria “para atender toda a advocacia do Distrito Federal com qualidade e atenção”.

 
clinica odonto Sobradinho 20-07-2016 126O secretário-geral da CAA/DF, Maxmiliam Patriota, afirmou que a Caixa pretende levar muitos dos serviços da sede para as subseções objetivando chegar cada vez mais próximo dos advogados e familiares, para que todos tenham acesso a um serviço de qualidade com preços acessíveis. “Enquanto vierem projetos bem feitos, bem apresentados e com um orçamento viável, nós estaremos juntos para beneficiar sempre o advogado”.
 

Estiveram também presentes, a vice-presidente da Subseção, Aline Guida, o presidente da Subseção do Gama e Santa Maria, Amaury Andrade, o presidente da Subseção do Núcleo Bandeirante, Sebastião Duque, o presidente da Subseção Ceilândia, Edmilson Menezes, o conselheiro e vice-presidente da Comissão de Prerrogativas, Fernando Assis, o ex-conselheiro da OAB e da FAJ, Paulo de Castro, o secretário-geral adjunto da Subseção de Sobradinho, Márcio Rabelo, a diretora tesoureira da Subseção, Flávia Adriana Ramos, o ex-secretário geral da OAB/DF e ex-presidente da Subseção de Sobradinho, Lincoln de Oliveira, o advogado Oswaldo Gomes, ex-presidente da Subseção de Sobradinho, o advogado Renato Costa, ex-conselheiro, o advogado Renato Costa, ex-conselheiro, o advogado Fábio Binicheski, representando a Subseção do Paranoá e São Sebastião, além de diversos conselheiros da Subseção de Sobradinho.
 

Fonte: OAB/DF  - Fotos: Valter Zica

quarta-feira, 20 de julho de 2016